US - R$ 3,84

×

Deputados aprovam PL dos professores e greve deve chegar ao fim

Sindicatos devem anunciar neste fim de semana se aceitam ou não medidas aprovadas pelos deputados


Por unanimidade, os deputados aprovaram o Projeto de Lei nº 293/2019 que trata do reajuste dos professores, proposto pelo Governo do Amazonas. A matéria foi colocada em pauta nesta quinta-feira, 23, e teve 20 votos a favor.

O fim da greve ainda será decidido pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Amazonas (Sinteam) e Sindicato  dos Professores e Pedagogos das Escolas Públicas do Ensino Básico de Manaus (Asprom/Sindical) neste fim de semana.

Professores na Assembleia Legislativa do Amazonas na manhã desta quinta-feira, 23. (Bruno Pacheco/Amazonas1)

Com emendas coletivas apresentadas pelos parlamentares, o projeto trata das progressões horizontais – por tempo de serviço – e progressões verticais – por titulação, além dos benefícios de auxílios localidade, com R$ 80 para professores do interior e R$ 120 para os que atuam nas zonas rurais dos municípios.

As mudanças também incluem a regulamentação do vale transporte para os servidores que trabalham em Manaus com carga horária de 40 e 60 horas por Cadastro de Pessoa Física (CPF). Segundo a proposta, o auxílio-alimentação passa de R$ 420 para R$ 450. Mesmo com os ajustes, foi mantido em 4,73% o reajuste salarial dos professores. 

Professores vão analisar proposta em assembleia

A presidente do Sinteam, Ana Cristina, garantiu que a PL vai ser discutida, ainda, em Assembleia Geral durante o fim de semana. “A categoria quem decide os rumos e ela irá decidir nesta Assembleia os rumos que iremos tomar a partir de segunda-feira, 27.” Ana cristina garantiu, também, que o sindicato vai continuar atuando e fiscalizando as demandas que ainda não foram atendidas”

Perguntado se a categoria estaria satisfeita com a aprovação da PL, a presidente sinalizou que não, mas comentou sobre ganhos. “A categoria está satisfeita se hoje estivesse com 15% de reajuste salarial, se hoje estivéssemos com todas as suas pautas atendidas. Tivemos algumas pautas atendidas parcialmente, uma delas é a progressão por tempo de serviço que estava parado”, declarou.

Veja os deputados que votaram a favor da PL dos professores:

Dr. Gomes (PSC)

Alessandra Campêlo (MDB)

Álvaro Campelo (PP)

Augusto Ferraz (DEM)

Wilker Barreto. (PHS)

Belarmino Lins (PP)

Carlinhos Bessa (PV)

Abdala Fraxe (PODE)

Delegado Péricles (PSL)

Adjuto Afonso (PDT)

Mayara Pinheiro (PP)

Fausto Júnior (PV)

Therezinha Ruiz (PSDB)

Felipe Souza (PATRIOTA)

Joana Darc (PR)

Josué Neto (PSD)

Roberto Cidade (PV)

Serafim Corrêa (PSD)

Sinésio Campos (PT)

Os  estavam ausentes do plenário:

Dermilson Chagas (PP)

Ricardo Nicolau (PSD)

João Luiz e Saulo Viana (PRB)

O deputado Cabo Maciel (PR) se absteve.

 

Faça um comentário