MENU
logo-amazonasum

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Arthur Neto diz que governantes são muito tolerantes com criminosos

O ex-prefeito ainda afirmou que os deputados devem se empenhar em discutir a situação do crime no Amazonas
Da Redação – Portal AM1*
• Publicado em 07 de junho de 2021 – 13:05
Foto: Divulgação

MANAUS, AM – O ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), fez diversas críticas em relação aos ataques de traficantes em Manaus nesse domingo (6). De acordo com ele, durante os oito anos em que foi prefeito de Manaus, denunciou o crescimento do tráfico de drogas na cidade e em todo o Amazonas.

Porém, em vez de repudiar o ato de incendiar veículos e causar pânico na população, o ex-prefeito criticou a administração no combate ao crime. Apesar disso, Arthur pediu que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) envie as Forças Armadas para auxiliar na segurança da capital amazonense.

“O que vi, na verdade, foi muita tolerância dos governantes com as organizações criminosas, em guerra entre elas e em guerra contra as pessoas de bem. Eis aí o resultado da inércia: contemplamos, com tristeza e revolta, o quadro caótico que foi se estabelecendo a cada dia, a cada mês, a cada ano, tornando a população refém do medo e do terror”, lamentou.

Leia mais: ‘E se o Exército tiver que apertar o gatilho?’, diz Eduardo Bolsonaro sobre Manaus

Arthur ainda ressaltou que os deputados devem “abandonar quaisquer interesses outros, que não seja desempenhar com acerto os seus mandatos, e devem discutir a situação do Amazonas”.

Manaus vive uma onda de violência após a morte de um integrante de facção criminosa em um confronto com a polícia no último sábado (5).

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap