Bolsonaro parte em defesa de Decotelli: 'alvo de deslegitimação' - Amazonas1

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

10 de julho de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Bolsonaro parte em defesa de Decotelli: ‘alvo de deslegitimação’

Desde o anúncio da indicação do novo ministro, várias partes de seu currículo foram desmentidas

Bolsonaro parte em defesa de Decotelli: ‘alvo de deslegitimação’
--- IMAGEM CEDIDA PELA PRESIDENCIA DA REPUBLICA --- Brasília - DF, 25/06/2020 POLITICA Presidente Jair Bolsonaro durante assinatura do Termo de Posse do senhor Carlos Alberto Decotelli, Ministro da Educação no Palacio do Planalto . Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse nesta segunda-feira, 29 que Carlos Alberto Decotelli, nomeado para o Ministério da Educação, está enfrentando “todas as formas de deslegitimação para o ministério”.

Em publicação no Facebook, ele diz que o novo titular não pretende ser um problema para a pasta e que está ciente de seu equívoco. “Todos aqueles que conviveram com ele comprovam sua capacidade para construir uma Educação inclusiva e de oportunidades para todos”, escreveu.

Mais cedo, Decotelli falou à imprensa e confirmou que permaneceria no cargo.

Desde o anúncio da indicação do novo ministro, na última quinta-feira, 25, várias partes de seu currículo foram desmentidas. A universidade em que dizia ter feito um curso de pós-doutorado negou que ele tivesse qualquer certificado pela instituição, o reitor da faculdade em que dizia ter doutorado veio à público dizer que sua tese não foi aprovada. Também foram encontrados indícios de plágio em sua dissertação de mestrado.

A posse de Decotelli, que aconteceria nesta terça (30), foi adiada e, segundo o Planalto, não tem mais data para acontecer.

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias