Na Bahia, prefeito de Itabuna diz que vai reabrir comércio: 'morra quem morrer' - Amazonas1

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

7 de agosto de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

redacao@amazonas1.com.br

Na Bahia, prefeito de Itabuna diz que vai reabrir comércio: ‘morra quem morrer’

As declarações foram dadas pelo prefeito em entrevista à imprensa na qual ele anunciou uma postergação das medidas restritivas

Na Bahia, prefeito de Itabuna diz que vai reabrir comércio: ‘morra quem morrer’
Reprodução: Congresso em Foco

O prefeito de Itabuna, distante 436 quilômetros de Salvador, Fernando Gomes (PTC), afirmou nessa quarta-feira (1º) que irá reabrir o comércio da cidade a partir do dia 9 de julho “morra quem morrer”. As declarações foram dadas pelo prefeito em entrevista à imprensa na qual ele anunciou uma postergação das medidas restritivas, por mais sete dias, por causa do alto índice de ocupação de leitos na cidade.

“Eu não posso abrir uma coisa que eu não tenho cobertura. Então, na dúvida, com os nossos morrendo por causa de um leito em Itabuna, eu vou transferir essa abertura. […] Mandei já fazer um decreto e no dia 9 (de julho) abre, morra quem morrer”, afirmou o prefeito.

A cidade de Itabuna possui 30 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para atendimento de pacientes com Covid-19 em três hospitais, sendo 20 adultos e 10 pediátricos. Dos 20 leitos para adultos, 18 estavam ocupados nessa quarta-feira.

No hospital pediátrico, cinco dos dez leitos estavam com pacientes graves.

Até essa quarta, Itabuna tinha registrado 2.637 casos de covid-19, sendo 348 ainda ativos, e 58 mortes. A cidade é a quinta da Bahia com maior número de casos por 100 mil habitantes.

Em nota, a Prefeitura de Itabuna informou que o prefeito teve a sua fala mal interpretada.”Ele estava contrariado com a situação, porque entende a necessidade da reabertura do comércio, visto que o comércio está há mais de 100 dias fechado e vários pais de família estão desempregados”, informou.

O prefeito afirmou, ainda, que ninguém ficará sem atendimento no município. “Se houver necessidade, vamos fazer transferências para outra cidade com leitos disponíveis”, informou.

Segundo a prefeitura, serão instalados dez novos leitos de UTI na cidade e no dia 9 de julho “o comércio provavelmente será reaberto”.

 

(*) Com informações do Folha Press

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading