Amazonino diz que falta de união política é traição com o povo

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

11 de julho de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Amazonino diz que falta de união política é traição com o povo

Amazonino tem usado as redes sociais para se colocar em evidência de olho nas eleições municipais de 2020

Amazonino diz que falta de união política é traição com o povo
Foto: reprodução/facebook

De olho nas eleições municipais deste ano, o ex-governador Amazonino Mendes (Podemos) usou as redes sociais, nesta sexta-feira, 05, para criticar a falta de união política entre autoridades municipais, estaduais e federal no período da pandemia do novo coronavírus.

Para ele, essa desarticulação entre prefeituras, governo e presidência  é “traição” com o povo e afirma que “a má política está atrapalhando a superação deste problema.”

“Como cada um de vocês, estou indignado com a falta de união e de um direcionamento efetivo e único das autoridades municipais, estaduais e federal. Estão politizando a pandemia que vivemos e todas as implicações decorrentes dela”, disse Amazonino em sua página oficial no Facebook.

O ex-gestor e possível pré-candidato à Prefeitura de Manaus pelo Podemos, também apontou que o momento exige uma série de atitudes como consciência e planejamento conjunto para superar a fase turbulenta.

“Falta respeito das autoridades com o dinheiro público, fruto dos impostos que cada um de nós paga. “Investimentos” escoam por caminhos suspeitos da corrupção, que aparece nas reportagens por todos os cantos e que vai fazer falta para recuperar a economia e trazer os empregos de volta”, completou.

Na avaliação de Amazonino, a taxa de desemprego no Amazonas vai aumentar por conta da crise na política, na saúde pública e na economia e, pede união de forças de forma aberta, citando como exemplo a Alemanha.

 

Confira publicação na íntegra 

 

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias