Cabos eleitorais denunciam falta de pagamento em campanha de Romero Reis; candidato nega - Amazonas1
23 de janeiro de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Cabos eleitorais denunciam falta de pagamento em campanha de Romero Reis; candidato nega

Segundo o grupo de 80 pessoas, foi prometido que as pessoas receberiam na última segunda-feira (23), o que, de acordo com eles, não foi cumprido

Cabos eleitorais denunciam falta de pagamento em campanha de Romero Reis; candidato nega
Foto: Márcio Silva / Portal AM1

Mais de 80 pessoas alegam ter trabalhado como cabos eleitorais para o candidato a prefeito de Manaus pelo Partido Novo, Romero Reis, e denunciaram para o Portal AM1 a falta de pagamento pelos serviços. Segundo o grupo, foi prometido que as pessoas receberiam na última segunda-feira (23), o que, de acordo com eles, não foi cumprido.

Conforme a denúncia, os cabos eleitorais trabalharam na campanha do dia 14 de outubro a 14 de novembro em caminhadas, panfletagens e bandeiradas em sinais. Ainda de acordo com os denunciantes,  eles atuaram não só para a promoção da imagem de Romero Reis, mas também para vereadores do Partido Novo.

Uma das pessoas que participaram da campanha, e não quis se identificar, explicou que o grupo reivindicou o pagamento no último sábado (21), mas que receberam como resposta que o candidato “não poderia movimentar a conta de campanha no final de semana”. Na segunda-feira, os cabos eleitorais alegam que foram informados pela equipe financeira de Romero que “não sabiam de nada e que nunca tinham visto essas pessoas”.

‘Denúncia não procede’

Ao ser questionado pela equipe de reportagem do Portal AM1, Romero Reis, por meio de sua assessoria de imprensa, informou que a denúncia não procede e que todos os colaboradores que atuaram como cabos eleitorais foram pagos, tendo inclusive recebido como se estivessem exercido suas funções até o dia 30 de novembro.

Leia mais: Romero Reis pede a Deus que o mate caso ele receba dinheiro público

A assessoria ainda informou que Romero está de “consciência limpa, que pagou corretamente todos que trabalharam na campanha” e que aqueles que quiserem “entrar na Justiça, podem entrar”.

Mais rico

Romero foi o candidato a prefeito mais rico do Brasil nas eleições deste ano. O empresário declarou um patrimônio de mais de R$ 25 milhões ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e no dia do 1º turno, o candidato foi votar em em uma moto Harley Davidson – avaliada em mais de R$ 100 mil.

A prestação de contas de Romero Reis no Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais (DivulgaCand) apresenta R$ 95.700,00 como despesa com pessoal e R$ 23.512,50 com pagamentos para atividades de militância e mobilização de rua. Somados os valores, o empresário gastou um total de R$ 119.212,50  com pagamentos para colaboradores que atuaram na sua campanha.

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading