Marcelo Ramos corre por fora para 'ajudar' prefeitos e se posicionar para eleições 2022 - Amazonas1
21 de janeiro de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Marcelo Ramos corre por fora para ‘ajudar’ prefeitos e se posicionar para eleições 2022

O encontro com prefeitos do interior foi publicado pelo próprio deputado federal em suas redes sociais

Marcelo Ramos corre por fora para ‘ajudar’ prefeitos e se posicionar para eleições 2022
Reprodução Facebook

Após a definição de nomes para as prefeituras do interior do Amazonas, as peças para o tabuleiro das eleições 2022 já começam a se movimentar. Com apenas dois prefeitos eleitos pelo PL no interior, o deputado federal Marcelo Ramos (PL), realizou uma reunião nesta terça-feira (24) com prefeitos dos municípios de Presidente Figueiredo, Atalaia do Norte e Novo Airão.

Leia mais em: Dinastia da Família Lins se multiplica nos Poderes Públicos do AM

A reunião, que contou ainda com o secretário de Infraestrutura do Ministério do Turismo, Vicentinho Alves, teve a presença da recém-eleita prefeita de Presidente Figueiredo, Patrícia Lopes (MDB); Denis Paiva (PSC), de Atalaia do Norte e o reeleito Frederico Junior (PSC) de Novo Airão.

O encontro com as autoridades dos municípios foi compartilhado pelo próprio deputado federal em suas redes sociais. Sem grande massa de representantes pela sua legenda, a reunião convidou prefeitos do PSC de Wilson Lima e do MDB, de Eduardo Braga, ambas as legendas que mais elegeram prefeitos no interior do estado, cada uma com 13 nomes.

Na lista dos eleitos do PSC estão os prefeitos: Lucenildo Macedo (Alvarães); Chico do Belo (Anamã); Marcos Lise (Apuí); Denis Paiva (Atalaia do Norte); Andreson Cavalcante (Autazes); Eraldo da Silva (Boa Vista do Ramos); Tico Braz (Caapiranga); Zé Roberto (Canutama); Dedei Lobo (Humaitá); Mario Abrahim (Itacoatiara); Júnior Leite (Maués); Frederico Júnior (Novo Airão) e Gamaliel de Almeida (Tapauá).

Já o MDB conseguiu eleger os prefeitos: Edson Mendes (Barcelos); Glênio Seixas (Barreirinha); David Bemerguy (Benjamin Constant); Dona Maria (Beruri); Bruno Ramalho (Carauari); João Campelo (Itamarati); Dr. Júnior (Juruá); Gean Barros (Lábrea); Jair Souto (Manaquiri); Adenilson Reis (Nova Olinda do Norte); Patrícia Lopes (Presidente Figueiredo); Saul Bemerguy (Tabatinga) e Enrico Falabella (Urucará).

Com esses números já é possível desenhar um quadro com os nomes que servirão de cabos eleitorais de luxo para candidatos a governador do Amazonas em 2022.

O Partido Liberal (PL), de Marcelo Ramos e de Alfredo Nascimento, elegeu apenas dois prefeitos no interior. Em Fonte Boa, o prefeito eleito foi ‘Biquinho’ de 62 anos. O segundo nome é o de Ruan Mattos, do município de Envira. Ao Tribunal de Contas do Estado (TCE), Ruan de 25 anos, declara não ter nenhum bem, possui ensino superior incompleto e sua ocupação seria como estagiário.

Leia mais em: Grupos políticos dominam prefeituras de olho no Governo do Amazonas em 2022

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading