Primeiro debate entre Amazonino e David acaba em confusão - Amazonas1
23 de janeiro de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Primeiro debate entre Amazonino e David acaba em confusão

A discussão entre David, Amazonino e o marqueteiro Marcos Martinelli, começou após o fim do debate na TV Norte

Primeiro debate entre Amazonino e David acaba em confusão
Foto: Reprodução

Os bastidores do debate da TV Norte Amazonas/SBT, realizado nesta quarta-feira (25) acabou marcado por bate boca entre os candidatos David Almeida (Avante), Amazonino Mendes (Podemos) e o marqueteiro Marcos Martinelli. David saiu bastante irritado do debate, após sofrer uma série de ataques verbais do adversário durante o embate ao vivo.

Sem apresentar propostas, a narrativa de Amazonino foi sempre tentar associar o ex-deputado ao governador Wilson Lima (PSC). David se defendia dizendo que estava lutando contra todos os caciques: Amazonino, Eduardo Braga (MDB) e Arthur Neto (PSDB).

Leia mais: Amazonino parte para o ataque contra David no debate da TV Norte

A discussão entre David, Amazonino e o marqueteiro do ex-governador, Marcos Martinelli, começou após o fim de debate. Segundo relata a assessoria de David Almeida, o candidato teria ido cumprimentar Amazonino. O ex-governador, no entanto, recusou os cumprimentos de David e passou a ofendê-lo.

Ainda na versão da assessoria, aproveitando o calor da discussão, o marqueteiro começou a gravar o bate boca em seu celular, o que teria irritado ainda mais David. Neste momento, o dono da TV Norte, Sérgio Bringel e o juiz de Propaganda Eleitoral, Alexandre Novaes tentaram intervir e pediram que Martinelli apagasse o conteúdo. Na ocasião, ele afirmou que deletaria a gravação.

No entanto, Martinelli não só desrespeitou o acordo, como a gravação vem sendo amplamente divulgada na imprensa pela própria equipe do candidato Amazonino.

Versão de Amazonino

Em nota o candidato Amazonino Mendes afirma que David Almeida foi “destemperado” e que foi o adversário, e não ele, que começou a discussão com “palavras de baixo calão”. Leia abaixo.

NOTA DE REPÚDIO DA COLIGAÇÃO JUNTOS PODEMOS MAIS

A Coligação Juntos Podemos Mais, do candidato a prefeito de Manaus, Amazonino Mendes, repudia o comportamento que qualifica como destemperado, adotado pelo candidato adversário, David Almeida (Avante), ao final do debate realizado nesta quarta-feira (25/11), na TV Norte. David Almeida, abalado ao final do debate, dirigiu-se a Amazonino Mendes com palavras de baixo calão. A cena foi registrada por várias pessoas presentes ao local, inclusive pelo juiz eleitoral Alexandre Novaes. O coordenador de comunicação da campanha, Marcos Martinelli, também foi atacado por David Almeida, que o chamou de vagabundo e o ameaçou de agressão física várias vezes. “Eu vou te bater. Use isso contra mim Martinelli para ver se tu sai daqui, seu vagabundo. Se tu usar isso contra mim, eu vou te arrebentar rapaz”, ameaçou David Almeida, exaltado. Sobre o episódio, o corpo jurídico da Coligação Juntos Podemos já está tomando as medidas cabíveis.

Versão de David Almeida

David afirma que Amazonino é candidato apoiado pela Lava Jato

Foto: Márcio Silva – Portal AM1

David reconhece em nota que se exaltou e pediu desculpas para quem o conhece, porque “sabe que esse não é meu comportamento habitual”. David jogou para Amazonino a responsabilidade do início da confusão alegando que o o adversário “foi debate apenas para me agredir e não para discutir propostas’. Leia abaixo:

NOTA DE ESCLARECIMENTO DE DAVID ALMEIDA

Quem viu o debate de hoje na TV Norte é testemunha que passei uma hora sendo agredido pelo candidato Amazonino. Ele foi ao debate apenas para me agredir e não para discutir propostas. Ainda assim, quando o debate acabou, tentei me despedir respeitosamente e recebi uma série de ofensas como resposta. Pedi calma uma, duas vezes e continuei sendo ofendido por Amazonino. Então, reagi verbalmente. Nesse momento, o marqueteiro dele, Marcos Martinelli, passou a me filmar, o que aumentou a minha indignação. Esse Martinelli aparece em Manaus de dois em dois anos apenas para isso: cometer armações contra os adversários do seu chefe. Quem ouviu o áudio completo da discussão, nas redes sociais, percebe logo que tudo foi armado. Ainda assim, no mesmo áudio, é possível ouvir que eu me desculpo com todos os presentes no estúdio. Mas a verdade é que é difícil uma pessoa de bem não se indignar com tantas ofensas como as que foram desferidas contra minha honra. Quem me conhece, sabe que esse não é meu comportamento habitual. Era esse o esclarecimento que eu queria prestar aos manauaras, aos quais me desculpo por ter me exaltado.

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading