Josué: 'só Bolsonaro dirá se Aliança terá candidato a prefeito em Manaus'

US - R$ 4,38

×

Josué: ‘só Bolsonaro dirá se Aliança terá candidato a prefeito em Manaus’

Partido de Bolsonaro busca quase 500 mil assinaturas em todo país para ser criado antes das eleições de outubro.

(Márcio Silva / Amazonas1)

A manhã deste sábado, 25, foi de movimentação intensa na sede da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), durante o primeiro encontro de apoiadores do Aliança pelo Brasil no Amazonas. Na ocasião, o deputado estadual Josué Neto, presidente da Casa, destacou as pretensões do partido para Manaus.

Apesar de não lançar nenhum nome para uma possível dispusta ao cargo de prefeito da capital, o parlamentar acredita que o primeiro presidente estadual do partido no Amazonas seja o então Superintendente da Zona Franca de Manaus (Suframa), coronel Alfredo Menezes. Este, por sua vez, comentou que não faz ideia de quem possa ficar no comando do Aliança pelo Brasil no Amazonas.

Escadinha

Ainda segundo Josué Neto, o partido precisa subir de degrau a degrau, primeiro, ele precisa ser criado. A meta no momento é alcançar o maior número possível de assinaturas. “O presidente Bolsonaro precisa desse partido para escolher os seus filiados, companheiros, voluntários, as pessoas que ficarão ao lado dele e o futuro caberá a ele se cada município terá candidatos e quais serão esses candidatos”, disse Josué.

Sobre o apoio da sigla a nomes de possíveis candidatos que estão sendo cotados para a Prefeitura, como o do ex-governador Amazonino Mendes, os ex-deputados estaduais David Almeida e Josué Ricardo, o presidente Josué Neto preferiu reafirmar a necessidade de criação do partido.

Presidente do Aliança

“Lançar candidaturas é importante, ainda mais na capital Manaus que é a sétima ou oitava maior do país. Tenho certeza que Manaus está nos planos do Aliança, mas primeiro, tem que ser criado. A partir do momento em que o partido for criado e eles decidirem ter candidato em Manaus, tenho certeza que o futuro presidente do Aliança, que acredito ser o coronel Menezes, vai comandar todas essas filiações já para futuras candidaturas no nosso Estado. […] A gente entende que é o presidente Bolsonaro é quem vai dizer: ‘o meu candidato em Manaus é a pessoa X ou Y ou Z’, isso depende somente dele”, finalizou Josué.

Faça um comentário