TRE-AM consegue recompor lista tríplice de candidatos para membro efetivo
28 de janeiro de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

TRE-AM consegue recompor lista tríplice de candidatos para membro efetivo

Na votação desta terça-feira, Luciana Trunkl Fernandes da Costa obteve 10 votos, superando outros dois advogados

TRE-AM consegue recompor lista tríplice de candidatos para membro efetivo
(Foto: Divulgação/ TJAM)

O Pleno do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) definiu, durante a sessão realizada por videoconferência nesta terça-feira (1), o nome da advogada Luciana Trunkl Fernandes da Costa, para recompor a lista tríplice para escolha de membro efetivo do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), pela classe dos advogados, em substituição ao advogado Antônio Adalberto Magalhães Martins.

Adalberto Martins foi o segundo mais votado pelos desembargadores do TJAM em eleição realizada em dezembro do ano passado, mas desistiu de concorrer. Naquela oportunidade, o advogado José Fernandes Júnior ficou em primeiro lugar, enquanto Afimar Cabo verde Filho ficou em terceiro lugar.

Leia também: Maia diz que tratar de voto impresso é colocar em xeque sistema seguro 

Na votação desta terça-feira, Luciana Trunkl Fernandes da Costa obteve 10 votos, superando Adriane Cristine Cabral Magalhães, que recebeu três votos e Mário Augusto Marques da Costa, com dois votos. Islane Marques Setúbal, Jender de Melo Lobato, Marleide Saraiva do Amaral e Natividade de Jesus Magalhães Maia não foram votados.

A lista tríplice contendo os nomes de José Fernandes Júnior, Afimar Cabo Verde Filho e Luciana Trunkl Fernandes da Costa será encaminhada, pelo TRE-AM à Presidência da República, a quem compete a definição do nome que será escolhido como membro efetivo da Corte Eleitoral do Amazonas.

 

*Com informações da assessoria

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading