MENU
logo-amazonasum

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Depoimento de Luana Araújo aponta falta de autonomia da Saúde, destaca Calheiros

Para o relator da CPI, a ex-secretária da Saúde ficou isolada no governo por contrariar o tratamento precoce e o uso de cloroquina
Da Redação – Portal AM1*
• Publicado em 03 de junho de 2021 – 08:56
Foto: Agência Senado

BRASÍLIA, DF – Balanço do senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Covid, levanta quatro pontos de destaque no depoimento que a médica Luana Araújo, ex-secretária extraordinária de enfrentamento à Covid, presta à comissão.


Para o senador, a declaração da médica prova que o Ministério da Saúde não tem autonomia para formar a equipe e ditar políticas públicas.

Leia mais: Ex-secretária da Saúde diz na CPI que é ‘delirante’ defender tratamento precoce


Renan destacou as declarações da infectologista de que havia convidado bons profissionais para compor sua equipe, mas que alguns não aceitaram por conta da polarização política e que, possivelmente, seu nome não teria sido aceito pelo presidente da República.


O relator também destacou momento em que Luana disse que sua família e ela própria foram alvo de ameaças.
Na avaliação do senador, a médica também ficou isolada no governo nas suas manifestações ao contrariar a defesa do tratamento precoce e o uso de cloroquina no tratamento da Covid.

(*) Com informações da Folhapress

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap