US - R$ 4,16

×

Cafeicultura no Sul do Amazonas é tema de reunião em Brasília


Representando a Frente Parlamentar Mista Em Defesa do Cooperativismo, a deputada federal Conceição Sampaio (PP-AM) participou, em Brasília, da primeira agenda do Grupo Institucional para Programação do Desenvolvimento Sustentável no Sul do Amazonas – projeto-piloto do município de Apuí. A reunião consistiu em apresentar o projeto dos pequenos agricultores da cidade que estão investindo em cafeicultura para geração de renda.

Cafeicultura é discutida em Brasília.

A reunião consistiu em apresentar o projeto dos pequenos agricultores da cidade que estão investindo em cafeicultura para geração de renda. (Foto: Divulgação/Assessoria)

Com iniciativa do presidente do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Amazonas (OCB-AM), José Merched Chaar, e do presidente da Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, deputado estadual Luiz Castro, foi apresentado e pedido apoio ao presidente da Organização das Cooperativas do Brasil (OCB), Marcelo Freitas, para a iniciativa dos agricultores de Apuí que vêm desenvolvendo e comercializando um café 100% conilon, produzido na Amazônia em um sistema agroflorestal, baseado em princípios de manejo sustentável e de integração com a natureza.

A deputada Conceição Sampaio foi a única a representar a Frente Parlamentar Mista formado por deputados e deputadas federais e senadores. “Nessa reunião, nós tivemos a chance de conhecer um projeto que já está gerando renda, mas que visa gerar ainda mais renda com o trabalho dos pequenos agricultores de Apuí. O projeto já existe há alguns anos e tenho certeza que todo o investimento na cafeicultura na região vai fazer com que Apuí se desenvolva mais, se baseando em princípios de manejo sustentável, de integração com a natureza”, afirma Conceição.

A parlamentar ainda ressalta a importância do cooperativismo nos países, principalmente em época de crise econômica. “Mais de 100 países, hoje, têm o cooperativismo como seu poder econômico, tendo envolvimento de um bilhão de pessoas e mais de 250 milhões de empregos gerados em muitos desses países onde o cooperativismo já é uma grande realidade. E no Brasil também tem se construído muito isso. Hoje, nós temos várias cooperativas que geram muito emprego e temos trabalhos importantes realizados pela OCB que geram renda para a população”, diz a deputada.

Participaram também da reunião representantes da Secretaria de Produção do Estado do Amazonas (Sepror), da Prefeitura de Apuí, do Ministério Público Federal, do Sindicato Rural do Sul do Amazonas (SindSul) e do Instituto de Conservação de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (Idesam). Os representantes também foram convidados para participar de uma oficina que irá acontecer no município de Apuí nos dias 13 e 14 de abril.

Faça um comentário