Artistas relembram e homenageiam cartunista: 'Obrigado por tanto, Quino' - Amazonas1
20 de outubro de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Artistas relembram e homenageiam cartunista: ‘Obrigado por tanto, Quino’

Quino ganhou notoriedade com a criação de Mafalda, uma das personagens mais famosas do mundo dos quadrinhos

Artistas relembram e homenageiam cartunista: ‘Obrigado por tanto, Quino’
Foto: Facebook - Mafalda Oficial

Após a morte do cartunista argentino Joaquín Salvador Lavado, conhecido como Quino, nesta quarta-feira (30), diversos artistas lamentaram o ocorrido nas redes sociais.
A morte foi anunciada por Daniel Divinsky, editor do cartunista, nas redes sociais. “Morreu Quino e, com isso, todas as pessoas boas deste país e do mundo irão chorar”, avisou ele.

Quino ganhou notoriedade com a criação de Mafalda, uma das personagens mais famosas do mundo dos quadrinhos, uma menina de classe média argentina nascida em setembro de 1964, fã dos Beatles, de panquecas e que odeia sopa. A personagem completou 56 anos nesta terça (29).
Veja a seguir artistas que comentaram a morte de Quino.

Eleições

Adão Iturrusgarai
Adão Iturrusgarai disse “RIP” – uma abreviação em inglês para “descanse em paz” – em homenagem a Quino, no Twitter.

Laerte
“Acabei de saber que o Quino morreu. Ô coisa triste”, disse a cartunista Laerte.
A artista também publicou uma charge sua, feita em 2014, em que homenageia Mafalda e Quino e faz referências a si mesma.

Carlos Latuff
“Quino nos deixou hoje, mas sua filha Mafalda segue com a luta”, disse o cartunista Carlos Latuff ao publicar um desenho seu em que a personagem celebra Quino.

Matzorama
“Lembro do dia e do lugar onde vi esta tirinha e ‘explodi’ como nunca antes. A partir daí me apaixonei pelo humor e pelo que Quino fazia. Se você tem uma tirinha dele favorita, compartilhe e em vez de lamentar sua saída, vamos comemorar o legado que ele nos deixou em vida”, disse o humorista argentino Matzorama.

Fernando Aramburu
“Eles ficaram órfãos”, disse no Twitter o escritor espanhol Fernando Aramburu, autor de “Pátria”.

Ricardo Coimbra
“Apesar de ter criado uma das coisas mais chatas de todos os tempos, que é a Mafalda, a famosa tirinha com criança dando lição de moral, todo o resto do trabalho do Quino é coisa de mestre, gigante mesmo”, disse o quadrinista Ricardo Coimbra.

Petra Costa
“Obrigado por tanto, Quino”, disse a cineasta Petra Costa, diretora de “Democracia em Vertigem”.

Leia mais: Jovem é encontrada morta com mais de 30 facadas; namorado é suspeito

(*) Com informações da Folhapress

 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading