Marquezine terá que pagar comissão à ex-empresária por mais dois anos

US - R$ 4,09

×

Marquezine terá que pagar comissão à ex-empresária por mais dois anos

Mesmo sem trabalhar com Juliana Mattoni, Bruna terá que pagar a comissão obrigatória à sua ex-agente em todos os seus futuros contratos

Há muito mistério no rompimento do contrato entre Bruna Marquezine e Juliana Mattoni, uma das maiores assessoras de imprensa de celebridades do país. As duas viviam uma relação quase familiar.

Juliana cuidava de Bruna como cuida de uma filha, mas, de repente, tudo mudou. Juliana, além de assessora, era empresária de Bruna. E, apesar da relação quase maternal, havia um contrato. E foi aí que Marquezine se ferrou.

Pelos próximos dois anos, mesmo sem trabalhar com Juliana, Bruna terá que pagar a comissão obrigatória à sua ex-agente em todos os seus futuros contratos. Está registrado no papel, em cartório. Não há como mudar. Quando soube da informação, a atriz ficou em choque. Bruna e Mattoni romperam totalmente a relação profissional no início de novembro.

Antes disso, em julho, Bruna havia decidido cuidar dos próprios contratos com a ajuda da mãe, Neide, deixando de ter Juliana como sua agente. Cerca de um ano antes, a atriz tinha deixado o escritório do empresário Zeca Vitorino, que representou Bruna por 15 anos, exatamente para ter a carreira administrada por Mattoni. Na época, a troca contou com a desaprovação da família de Bruna.

Agora, sem Marquezine, Juliana, que tem grande influência com grandes e poderosas marcas, tem concentrado suas forças em outras atrizes de seu escritório, como Ísis Valverde e Mariana Ximenes. Bastante criteriosa, Juliana não aceita qualquer ator em seu casting e, como já deu para perceber, seus contratos são muito bem amarrados.

 

(*) Com informações do UOL Famosos 

Faça um comentário