Silvio Santos tira prêmio de candidata negra e é acusado de racismo

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

4 de agosto de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

redacao@amazonas1.com.br

Silvio Santos tira prêmio de candidata negra e é acusado de racismo

Durante um quadro musical, o apresentador contrariou a votação do auditório, que escolheu como melhor cantora uma mulher negra

Silvio Santos tira prêmio de candidata negra e é acusado de racismo
O empresário e apresentador Silvio Santos. (Foto: Vanessa Carvalho/Brazil Photo Press/Folhapress)
Silvio Santos está sendo acusado de racismo por internautas após um episódio do programa deste domingo, 8, no SBT. Durante um quadro musical, o apresentador contrariou a votação do auditório, que escolheu como melhor cantora uma mulher negra, e deu o prêmio para outra candidata.

Jennyfer Oliver, que era a única negra das quatro participantes, recebeu 84 votos da plateia contra oito da segunda colocada. Mesmo assim, Silvio Santos deu o prêmio de R$ 500 para todas e mais R$ 500 para a mulher escolhida por ele.

“É quinhentos reais para cada uma porque eu é que vou escolher agora quem vai ganhar mais quinhentos”, justificou o apresentador.

“Se eu estivesse na minha casa vendo o programa, depois que ouvi essa música Caneta Azul, na minha opinião, a melhor intérprete é a Juliani. Você ganhou! Você é muito bonita, canta bem e ganhou mais quinhentos”, concluiu.

Nas redes sociais, os internautas não entenderam a mudança nas regras do quadro no último minuto e muitos consideraram que o comportamento do apresentador foi de racismo. “O fato de Silvio Santos ser velho não justifica o motivo dele ser racista”, escreveu um internauta.

No Instagram, Jennyfer Oliver, que é cantora, publicou uma série de stories falando sobre o caso. “Eu fiquei super constrangida no momento, mas como demorou três semanas para ir para o ar, eu não podia mencionar nada sobre o assunto e muito menos expor nada. Eu jurava que ia ser editado e eles iriam pular essa parte que ele me barrou de cantar a música”, contou.

Jennyfer disse que em nenhum momento acusou Silvio Santos de racismo, mas ressaltou: “as pessoas sentiram e comentaram nas redes sociais. Se as pessoas sentiram, eu respeito a opinião de todo mundo. Eu respeito as pessoas como elas me respeitam. Não estou me fazendo de vítima, só me senti prejudicada. Quem assistiu viu a minha cara”, afirmou.

(*) Com informações do Estadão Conteúdo

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading