Em Manaus, assessora que mandou matar marido planejou o crime por dez anos | | Amazonas1

US - R$ 5,10

×

Em Manaus, assessora que mandou matar marido planejou o crime por dez anos

Elcilane da Silva atraiu os assassinos do marido para dentro de casa (Reprodução/Polícia)

Da Redação

Após cinco meses foragida, a assessora parlamentar Elcilane da Silva Souza, a Nega, 36 anos, se entregou a polícia na tarde da última sexta-feira, 22. Elcilane é acusada de matar  o marido,  o soldador Emerson Pinto dos Reis, 38 anos, que foi atingido por mais de 20 facadas e depois esquartejado.

Segundo o delegado Thomaz Vasconcelos, da Delegacia de Combate ao Crime Organizado, foi a assessora quem atraiu o soldador para a morte. ˜Ela atraiu o marido para uma cilada e demonstrou ser uma pessoa totalmente fria, em nenhum momento, mostrou arrependimento˜, disse.

O crime ocorreu no dia 10 de abril deste ano e o corpo só foi encontrado enterrado no ramal do Brasileirinho, na Zona Leste, no dia 10 de agosto. Segundo investigações da Polícia Civil, Elcilane planejava a morte do companheiro há 10 anos.

De acordo com a polícia, a motivação do crime seria porque Elcilane queria ficar com uma casa do soldador. Emerson foi visto pela última vez na companhia da assessora, na casa deles, na rua Rio Branco, bairro São Raimundo, Zona Oeste da cidade. Os assassinos de Emerson estariam escondidos na casa, a mando da esposa.

Faça um comentário