Greve dos rodoviários durou quase 6h e prejudicou aproximadamente 800 mil pessoas | | Amazonas1

US - R$ 4,48

×

Greve dos rodoviários durou quase 6h e prejudicou aproximadamente 800 mil pessoas

Foto: Arquivo/Internet

Da Redação – A greve dos rodoviários de Manaus ocorrida nesta segunda-feira (26) durou quase 6 horas e prejudicou aproximadamente 800 mil pessoas, quase a metade da população da capital.

Nas ruas da cidade, paradas de ônibus lotaram e houve muita reclamação, principalmente por parte de trabalhadores e estudantes que não conseguiram chegar ao seu destino.

Em nota, a Prefeitura de Manaus disse que o Sindicato dos Rodoviários contrariou uma determinação judicial emitida pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) no último domingo, 25, que suspendia qualquer movimento grevista da categoria.

A Prefeitura informou ainda que durante a greve, liberou o uso do transporte alternativo (de cor amarela), que normalmente circulam apenas na zona Leste da cidade, para seguirem ao Centro.

Por volta das 10h, os ônibus começaram a sair das garagens e voltaram a circular normalmente, mas a ameaça de uma nova greve continuava até o fechamento desta publicação.

De acordo com o Sindicato, os rodoviários reivindicam 6% de reajuste. “Nós queremos apenas 6% de reajuste, caso não seja aceito a categoria decidiu que amanhã (27) volta a parar”, declarou Givancir Oliveira, presidente do Sindicato dos Rodoviários.

Faça um comentário