Investigação apura desvio de dinheiro por ex-funcionários de Iranduba

US - R$ 5,24

×

Investigação apura desvio de dinheiro por ex-funcionários de Iranduba

Ex-funcionários do Instituto de Trânsito de Iranduba teriam desviado dinheiro público para suas contas bancárias e falsificado documentos para ocultar esquema

(Foto: Reprodução/ Internet)

Três ex-funcionários do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte, do município de Iranduba, são alvo de investigação do Ministério Público do Estado (MPE-AM) num Inquérito Civil para apurar desvio de dinheiro e falsificação de documentos públicos promovido pelo trio. Além disso, os servidores teriam falsificado documentos públicos e particulares para esconder os atos de improbidade administrativa. 

Segundo o Diário Oficial do MPE-AM desta quarta-feira, 19, os três ex-funcionários, identificados  pelo MP apenas com as iniciais R. P. B., V. DA S. G., e D. F. F., serão investigados por supostamente desviar dinheiro público do instituto de trânsito para suas contas bancárias pessoais.

Veja também: Câmara quer barrar liminar que impede cassação do Prefeito de Iranduba

A denúncia que constava como Notícia de Fato foi convertida em Inquérito Civil pelo Promotor de Justiça de Iranduba, Leonardo Abinader Nobre. 

Em nota, o Instituto de Trânsito de Iranduba informou que a denúncia foi feita pelo próprio órgão, e que após identificar as condutas irregulares, os servidores tiveram os contratos rescindidos. O instituto não revelou qual era a função exercida pelos ex-funcionários.

Confira a nota do IMTTI: 

Confira a publicação do Diário Oficial: 

Faça um comentário