Prefeitura lança 'nota premiada' com prêmios de até R$ 50 mil

US - R$ 4,18

×

Prefeitura lança ‘nota premiada’ com prêmios de até R$ 50 mil

Propósito é criar a cultura da educação fiscal entre os manauenses e combater a sonegação fiscal na cidade

(Foto: Carlos Bolívar/Amazonas1)

Com o intuito de estimular a prática de educação fiscal em Manaus, a campanha “Nota Premiada Manaus” dará prêmios em dinheiro em até R$ 50 mil aos cidadãos manauaras que exigirem a Nota Fiscal de Serviço Eletrônico (NFS-e) identificada com CPF. O lançamento foi realizado pelo prefeito Arthur Neto (PSDB) na tarde desta segunda-feira, 9, na sede da Prefeitura de Manaus.

A didática da campanha funcionará da seguinte maneira: todos os meses serão sorteado 20 prêmios no valor de R$ 1 mil; quatro prêmios no valor de R$ 5 mil; dois prêmios no valor de R$ 10 mil; e um prêmio no valor de R$ 20 mil, além das premiações especiais, que poderão somar até R$ 50 mil. O primeiro sorteio da campanha ocorrerá no dia 30 deste mês de dezembro, com a distribuição de 28 prêmios, que somarão R$ 130 mil para os participantes sorteados.

Além dos prêmios aos participantes, um valor de R$ 52 mil será sorteado para instituições sociais sem fins lucrativos. Para concorrer é necessário realizar um cadastro na página Nota Premiada. Ao preencher os dados, a pessoa deverá escolher uma instituição social de sua preferência para também concorrer, caso for sorteado, que ganhará o equivalente a 40% do prêmio.

“Tivemos que desenvolver do zero, apesar de muitas cidades já terem esse tipo de premiação, mas o projeto ajuda o município a fiscalizar e cada contribuinte é responsável por isso, a partir do momento que ele consumir algo em um restaurante ou loja. Muitas das vezes a pessoa não faz por mau, é apenas um costume em não pedir a nota fiscal e nós queremos atrás dessa educação fiscal tornar a prática” declarou o secretário municipal de Finanças e Tecnologia da Informação, Lourival Praia Litaiff.

Além de praticar a educação fiscal e combater a sonegação do Imposto Sobre Serviço (ISS), a campanha irá colaborar com as Organização da Sociedade Civil (OSCs) cadastradas junto ao Fundo Manaus Solidária. O prefeito Arthur Neto comentou a importância do projeto.

“Temos que perceber o quanto já embarcamos nessa onda de sonegação de imposto, as vezes perdemos um pouco a moral quando criticamos alguém preso em uma operação policial por sonegação de imposto, quando na verdade acabamos colaborando de forma indireta com isso. Temos que ser consciente da importância de exigir a nota fiscal e incluir o CPF. Com essa campanha pretendemos incentivar o cidadão de Manaus e tornar isso uma prática normal.”

O cronograma dos sorteios, assim como a lista de ganhadores, estarão disponíveis na página da campanha Nota Premiada Manaus na internet.

Faça um comentário