Coronavírus: morre o primeiro cachorro a testar positivo - Amazonas1

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

12 de agosto de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

redacao@amazonas1.com.br

Coronavírus: morre o primeiro cachorro a testar positivo

O pastor alemão, Buddy, registrado como o primeiro cachorro a testar positivo para o novo coronavírus nos Estados Unidos não resistiu à doença

Coronavírus: morre o primeiro cachorro a testar positivo
Imagem: Artyom GeodakyanTASS via Getty Images

O pastor alemão, Buddy, registrado como o primeiro cachorro a testar positivo para o novo coronavírus nos Estados Unidos não resistiu à doença e morreu. Ele tinha 7 anos de vida e contraiu a covid-19 em meados de abril.

Os médicos veterinários que analisaram o corpo de Buddy acreditam que ele, provavelmente, tinha linfoma, um tipo de câncer. Isso explicaria os graves sintomas apresentados pelo cachorro antes de morrer.

Os especialistas, porém, não conseguiram concluir se o câncer o tornou mais suscetível a contrair o novo coronavírus ou se o vírus agravou a doença.

A morte de Buddy foi registrada em 11 de julho, mas há poucos detalhes sobre o caso. As autoridades de saúde divulgaram apenas que se tratava de um cão de raça pastor alemão, de 7 anos e que a provável fonte de transmissão foi o proprietário, que já havia testado positivo.

A contaminação de animais de estimação pelo novo coronavírus é rara. Nos Estados Unidos, por exemplo, somente 25 pets foram confirmados com a doença. A transmissão inversa – do pet para o dono – nunca foi registrada.

 

Leia mais: Macacos armados com facas e furadeiras atacam turistas no Reino Unido

 

(*) Com informações da Folhapress

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading