Covid-19: mortes nos EUA passam de 120 mil e novos focos surgem

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

5 de agosto de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

redacao@amazonas1.com.br

Covid-19: mortes nos EUA passam de 120 mil e novos focos surgem

O total de casos do novo coronavírus no país supera 2,2 milhões, o número mais alto do mundo, seguido pelo do Brasil, que soma mais de 1 milhão de casos

Covid-19: mortes nos EUA passam de 120 mil e novos focos surgem
Reprodução: Carta Capital/Foto: EDUARDO MUNOZ ALVAREZ

O número de mortes causadas pelo novo coronavírus já passou de 120 mil nos Estados Unidos (EUA), de acordo com uma contagem da Reuters nessa segunda-feira,22, e os casos novos aumentaram em vários estados.

Agora, mais norte-americanos morreram de covid-19 do que lutando na Primeira Guerra Mundial.

Cerca de 800 morreram por dia, em média, no mês de junho, menos do que o pico de 2 mil diários de abril, segundo um contagem de dados sobre mortes de covid-19 por estado e por condado.

O total de casos do novo coronavírus no país supera 2,2 milhões, o número mais alto do mundo, seguido pelo do Brasil, que soma mais de 1 milhão de casos. Na Índia, as infecções aumentam também rapidamente.

Depois de semanas de recuo, os casos de coronavírus voltaram a crescer nos EUA. Todos os estados tomaram providências para reativar as economias, e 12 relataram recordes de aumento de casos na semana passada.

No sábado,20, mais de 30 mil casos novos foram relatados, o maior total diário desde 1º de maio, de acordo com a contagem da Reuters. Entre os estados com aumentos recordes está Oklahoma, onde o presidente Donald Trump fez um comício no sábado,20, em uma arena de Tulsa, que não chegou a lotar e na qual só alguns poucos participantes usaram máscaras.

Em sua campanha,  Trump afirmou que pediu às autoridades para diminuir os exames de detecção de covid-19, uma “faca de dois gumes” que leva à descoberta de mais casos.

Especialistas de saúde dizem que a expansão dos exames só explica parte do aumento de casos e que esses são uma ferramenta crucial no combate à disseminação da doença.

 

 

(*) Com informações da Agência Brasil

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading