Homem esfaqueia pai de 72 anos até a morte durante videochamada
A + A -

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

4 de junho de 2020
Site auditado pelo

Redes Sociais

[email protected]

Homem esfaqueia pai de 72 anos até a morte durante videochamada

O crime ocorreu na cidade de Amityville, em Long Island, EUA, muito conhecida pelo filme de terror que leva seu nome e estreou em 1979.

Homem esfaqueia pai de 72 anos até a morte durante videochamada
(Foto: Reprodução)

Um americano de 32 anos matou o próprio pai, durante uma reunião transmitida pelo aplicativo Zoom. Dwight Powers, de 72 anos, participava de uma videoconferência quando foi atingido por Thomas Scully-Powers.

O crime ocorreu na cidade de Amityville, em Long Island, EUA, muito conhecida pelo filme de terror que leva seu nome e estreou em 1979.

O criminoso bateu na cabeça do pai antes de procurar a faca com a qual o apunhalou nas costas e no pescoço “quase decapitando-o”, de acordo com relatório do promotor, anexado na autópsia.

(Foto: Reprodução)

Foram os participantes da reunião que acionaram a polícia. Ao todo, 20 pessoas acompanharam as cenas de horror. “Este é um caso chocante e perturbador”, disse o promotor local, Timothy Sini.

Leia também:

Motorista é preso após estuprar idosa cadeirante na frente da neta

“Nosso futuro é um jogo para eles”, diz Greta sobre fala de Salles

Quando os policiais chegaram à cena do crime, o autor da agressão, que morava com o pai, fugiu pulando da janela do primeiro andar. Em seguida, parou numa loja onde bebeu um refrigerante e tentou limpar o sangue do corpo, mas os agentes o pegaram a alguns quarteirões de distância.

Na sexta-feira, 22, Thomas foi formalmente acusado de assassinato e preso. Ele aguarda uma nova audiência marcada para 26 de maio.

“Segundo sua própria confissão, o suspeito esfaqueou brutalmente seu pai repetidamente, até ter certeza de que ele estava morto. A investigação sobre esse crime horrível continua”, informou o promotor.

Ele não especificou qual poderia ser o motivo do crime, mas de acordo com Thomas Scully-Powers, foi seu pai que começou a luta. O suspeito tem antecedentes criminais e pode pegar até 25 anos de prisão.

O crime parece ser o primeiro transmitido pela plataforma Zoom, cuja quantidade de usuários explodiu devido ao confinamento decretado pela pandemia em grande parte do mundo.

 

Com informações do Metrópoles

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias