Nicolás Maduro é indiciado por narcotráfico nos Estados Unidos
A + A -

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

27 de maio de 2020
Site auditado pelo

Redes Sociais

[email protected]

Nicolás Maduro é indiciado por narcotráfico nos Estados Unidos

Além de Maduro, foram indiciadas outras autoridades do governo venezuelano, membros da inteligência do país e integrantes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia

Nicolás Maduro é indiciado por narcotráfico nos Estados Unidos
Foto: Reprodução

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, foi indiciado por narcotráfico nos Estados Unidos, após investigação de autoridades federais em Washington, Nova York e Flórida.

O indiciamento contra um chefe de Estado é incomum e marca uma escalada da campanha do governo de Donald Trump para que Maduro deixe o poder.

O secretário de Justiça dos EUA, William Barr, anunciou as acusações nesta quinta-feira em entrevista coletiva, juntamente com o chefe da FDA, a agência americana antidrogas, e promotores federais de Nova York e Miami, segundo o jornal “The New York Times”.

Além de Maduro, foram indiciadas outras autoridades do governo venezuelano, membros da inteligência do país e integrantes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

O Departamento de Estado dos EUA oferece recompensa de até US$ 15 milhões por informações que levem a Maduro na Venezuela.

Pelo Twitter, o secretário de Estado, Mike Pompeo, disse que as recompensas têm como objetivo levar à Justiça ex-autoridades do governo Maduro envolvidas com o tráfico internacional de drogas.

“O povo da #Venezuela merece um governo transparente, responsável e representativo que atenda às necessidades do povo”, escreveu.

 

 

(*) Com informações do Valor econômico

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias