Um novo surto de Covid-19 na China pode indicar mutação do vírus
A + A -

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

3 de junho de 2020
Site auditado pelo

Redes Sociais

[email protected]

Um novo surto de Covid-19 na China pode indicar mutação do vírus

Segundo o médico Qiu Haibo, que concedeu entrevista à televisão estatal chinesa, os casos representam um novo desafio no país.

Um novo surto de Covid-19 na China pode indicar mutação do vírus
Leito de UTI. Foto: Piero Cruciatti / AFP via Getty Images

Um novo surto da Covid-19 na China pode indicar que o vírus esteja sofrendo mutações, segundo reportagem publicada pela agência Bloomberg nesta quarta-feira, 20.

Registrados nas províncias de Jilin e Heilongjiang – mais ao Norte do que Wuhan, cidade na província de Hubei, ponto de origem da pandemia –, os casos seguem um caminho distinto dos anteriores: pacientes levam mais tempo para manifestarem sintomas depois de infectados e demoram mais para terem resultado negativo nos testes.

Segundo o médico Qiu Haibo, que concedeu entrevista à televisão estatal chinesa, os casos representam um novo desafio no país.

“Os períodos mais longos em que pacientes infectados ficam sem manifestar sintomas acabou criando aglomerados de famílias contaminadas”, afirmou.

Cientistas ainda não entraram em consenso a respeito dos novos comportamentos, de acordo com a Bloomberg.

As mudanças podem ser um indicativo de que o vírus tem sofrido mutações, mas também podem vir do fato de que os casos são acompanhados mais rigorosamente do que em Wuhan.

Naquele momento, o sistema de saúde na província estava sobrecarregado e apenas as ocorrências mais sérias foram monitoradas.

 

Saiba mais: Bolsonaro lamenta mortes e diz que cloroquina é ‘uma esperança’

 

(*) Com informações do site Poder 360

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias