MENU
logo-amazonasum

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

‘Não vai melhorar’, aponta Zé Ricardo sobre David armar guarda municipal

Para o deputado, é necessário a realização de concursos públicos para policiais, além de tecnologia e um reforço salarial para a classe
Camila Duarte – Portal AM1*
• Publicado em 10 de junho de 2021 – 11:00
Foto: Reprodução

MANAUS, AM – O deputado federal Zé Ricardo (PT) criticou o armamento da guarda municipal de Manaus. O anuncio foi feito pelo prefeito David Almeida (Avante) na última segunda-feira (7), após a capital amazonense sofrer uma onda de violência no fim de semana devido à morte de um membro de uma facção criminosa por policiais.

De acordo com o prefeito de Manaus, a guarda municipal será treinada pela Polícia Militar (PM) para atuarem nos terminais de integração de ônibus, praças, Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e prédios públicos municipais.

Leia mais: David Almeida autoriza compra de cimento 47% mais caro em Manaus

Com a decisão, Zé Ricardo afirma que a segurança em Manaus não vai melhorar, uma vez que, mesmo com a polícia armada, os criminosos ainda sim atearam fogo em ônibus, agências bancárias e assustaram a população no último domingo (6).

Para o parlamentar, é necessário a realização de concursos públicos para policiais, além de tecnologia e um reforço salarial para esta classe.

Falta de concurso público

No último domingo, o deputado federal Capitão Alberto Neto (Republicanos) foi outro que se posicionou a favor de concursos públicos para os policiais do Amazonas. Em live realizada nas redes sociais, o parlamentar comentou sobre a onda de violência que a população sofreu no fim de semana.

“Há muitos anos já não tem concurso na Polícia Militar, não tem concurso na Polícia Civil, no Corpo de Bombeiros. […] Precisa de concurso público, estamos fragilizados, essa é a realidade”, afirmou.

Leia mais: Desligados: Bosco Saraiva e Átila Lins se calam sobre caos em Manaus

https://twitter.com/capalbertoneto/status/1401713084247547906?s=20

Ataques em Manaus

A cidade de Manaus foi alvo de ataques criminosos na noite do último sábado (5) e no domingo (6). Atos de vandalismo foram registradas em diversas zonas da cidade após a morte de um dos membros de uma facção criminosa, morto em uma troca de tiros com policiais.

Ao todo, 29 veículos foram incendiados, sendo 15 ônibus, três carros de policiais, três micro-ônibus, uma van, duas carretas, duas viaturas policiais, uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), uma retroescavadeira e dois tratores.

Leia mais: Força Nacional chega e Wilson Lima garante que inteligência responde à altura

Além disso, oito prédios públicos foram incendiados, assim como também agências bancárias, vias públicas e dois comércios. Seis municípios do Amazonas também registraram ação de criminosos.

Nesta quarta-feira (9), o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSL) recebeu a chegada da Força Nacional. Ao todo, serão 144 agentes que vão reforçar a segurança em Manaus.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap