MENU
logo-amazonasum

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

No AM, prefeito quer contratar a mesma empresa para confecção de farda e assistência em ar-condicionado

Prefeito de Boa Vista do Ramos, Eraldo CB (PSC), pretende contratar a mesma empresa para serviços sem relação, podendo ser caracterizada como uma empresa "faz-tudo"
Juliana Siqueira – Portal AM1
• Publicado em 11 de junho de 2021 – 09:07
Prefeito quer contratar a mesma empresa para confecção de farda e assistência em ar-condicionado
Foto: Reprodução

Boa Vista do Ramos/AM – No município de Boa Vista do Ramos, interior do Amazonas, o prefeito Eraldo CB (PSC), pretende contratar uma mesma empresa para realizar serviços que não possuem qualquer relação: fardamento de servidores e manutenção em aparelhos de ar-condicionado. A intenção da aquisição dos serviços foi divulgada no Diário Oficial dos Municípios, nessa quinta-feira (10), em documentos de homologação e Atas de Registro de Preços.

Só para a confecção de fardas aos servidores municipais, o prefeito deverá desembolsar R$ 1.262.611,20. Esse montante poderá ser pago a três empresas: a Fabricio Barbosa Pereira (CNPJ nº 24.940.543/0001-57); SG Comércio de Produtos Alimentícios Eireli (CNPJ nº 27.610.802/0001-70); e a M A P Ferreira Eireli (CNPJ nº 16.577.279/0001-00).

As duas primeiras têm suas sedes localizadas em Manaus, já a última fica em Maués. Respectivamente, os estabelecimentos trabalham com o comércio de vestuário, gêneros alimentícios e a impressão de material publicitário.

Os proprietários da SG Comércio de Produtos Alimentícios Eireli e da M A P Ferreira Eireli são os empresários Carlos Eduardo Gonçalves e Marco Antônio Pinto Ferreira, conforme consta no site da Receita Federal. Eles poderão receber, respectivamente, R$ 639 mil e R$ 457 mil. Já a empresa Fabricio Barbosa Pereira, que não informa quem são os seus donos, no site da Receita, poderá faturar R$ 165 mil.

É justamente esta última empresa que, conforme a mesma publicação no DOM, aparece como vencedora de uma outra licitação, porém, para manutenção em aparelhos de ar-condicionado, pelo valor de R$ 844 mil. Somando as duas eventuais contratações, a empresa deverá receber R$ 1 milhão dos cofres públicos de Boa Vista do Ramos.

O estabelecimento, porém, que atende pelo nome fantasia Lojas Paloh, não tem especialidade neste serviço, mas sim no “comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios”. A atividade de manutenção em ar-condicionado consta somente entre os 28 serviços secundários realizados pela firma.

Esses trabalhos secundários, inclusive, variam entre tinturaria, comércio de calçados, transporte com motorista, produtos de higiene, obras de alvenaria, hortifrutigranjeiros, produtos alimentícios, entre outros, podendo ser considerada uma empresa “faz-tudo”.

Localizada no município de Maués, a firma possui um capital social de apenas R$ 50 mil.

Resposta

A reportagem entrou em contato com a Prefeitura de Boa Vista do Ramos através da página do órgão no Facebook. Porém, até a publicação da matéria, não houve retorno à demanda enviada.

Prefeito quer contratar a mesma empresa para confecção de farda e assistência em ar-condicionado

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap