Suposta traição de Michelle Bolsonaro alcança o topo de acessos no Twitter

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

29 de setembro de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Suposta traição de Michelle Bolsonaro alcança o topo de acessos no Twitter

A primeira-dama vem demonstrando certo desconforto no casamento com o presidente Jair Bolsonaro, de acordo com informação da revista IstoÉ

Suposta traição de Michelle Bolsonaro alcança o topo de acessos no Twitter
(Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

Um suposto caso extraconjugal no Palácio do Planalto mexeu com a internet.

Quem estaria envolvida é ninguém menos do que Michelle Bolsonaro, de 37 anos, e o ex-ministro Osmar Terra.

A primeira-dama vem demonstrando certo desconforto no casamento com o presidente Jair Bolsonaro, de acordo com informação da IstoÉ.

Ela chegou, inclusive, a viajar sozinha pelo país com Osmar Terra, o que seria o principal motivo de sua queda.

Em julho de 2019, a primeira-dama e os então ministros da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, e da Cidadania, Osmar Terra, assistiram juntos à sessão de cinema em homenagem aos 50 anos do primeiro pouso do homem à lua.

Veja também: Presidente se irrita com Tormenta, livro que narra trajetória da família Bolsonaro

Bolsonaro tinha avisado com antecedência que não iria ao evento, porque no mesmo horário o Palmeiras enfrentaria o Ceará pelo Campeonato Brasileiro.

 

Outros indícios de crise

 

Michelle foi sozinha à festa de casamento da deputada Carla Zambelli e na véspera de Natal ela resolveu se submeter a uma cirurgia nos seios, enquanto Bolsonaro viajava para a Bahia.

O suposto caso fez com que Osmar Terra fosse parar nos trending topics do Twitter e os internautas encheram a rede com memes. Confira alguns.

 

 

 

(*) Com informações da Revista Forúm

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading