Defesa de Alejandro Valeiko ingressa com Habeas Corpus no STJ

US - R$ 4,19

×

Defesa de Alejandro Valeiko ingressa com Habeas Corpus no STJ

O pedido de habeas corpus foi distribuído por sorteio ao Ministro Ribeiro Dantas na tarde da última quinta-feira,7

Alejandro Molina Valeiko (Foto: Alailson Santos/PC-AM)

A defesa de Alejandro Valeiko ingressou com um Habeas Corpus no Superior Tribunal de Justiça (STJ) na última quinta-feira, 7, em mais uma tentativa para colocar o cliente em liberdade.

Enteado de Arthur Neto, prefeito de Manaus, e filho de Elizabeth Valeiko, primeira dama do município, Alejandro está cumprindo prisão preventiva por suspeita de envolvimento na morte do engenheiro Flávio Rodrigues dos Santos, de 42 anos.

O pedido de habeas corpus foi distribuído por sorteio ao Ministro Ribeiro Dantas. A Reportagem do Amazonas1 entrou em contato com a defesa de Alejandro, que confirmou o pedido do habeas corpus, mas não quis comentar a decisão.

O caso

Flávio Rodrigues dos Santos, de 42 anos, desapareceu no dia 29 de setembro, após participar de uma festa na casa de Alejandro Valeiko, no condomínio Passaredo, na bairro Ponta Negra.

No dia seguinte ao desaparecimento, 30, Flávio foi encontrado morto no bairro Tarumã, zona oeste da capital. 

Além de Aejandro Valeiko, estão presos outros cinco suspeitos de envolvimento no crime: José Edvandro Martins de Souza Junior, 31 anos; Elielton Magno de Menezes Gomes Junior, 22 anos; o policial militar Elizeu da Paz de Souza, 37 anos, que conforme investigações, seria segurança de Alejandro; Mayc Vinicius Teixeira Parede, 37 anos, que confessou ter matado o engenheiro Flávio Rodrigues.
O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).
Faça um comentário