Empresário é preso acusado de aplicar golpes milionários em Manaus

US - R$ 4,13

×

Empresário é preso acusado de aplicar golpes milionários em Manaus

Otávio foi preso na operação "Conde Otávio" deflagrada na manhã de hoje. O nome da operação é referente ao título que o empresário possui

O empresário Otávio Almeida Costa, de 43 anos, foi preso nesta quinta-feira,18, durante operação “Conde Otávio” acusado de aplicar golpes milionários em Manaus. O nome da operação é referente a um título de “Conde” que o suspeito possui.

De acordo com o titular-adjunto da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD), Demetrius Queiroz, o homem foi preso em um condomínio de luxo, no bairro Tarumã, zona Oeste.

O suspeito apresentava às vítimas vários documentos de licitações, alegando que precisaria de dinheiro para entregar serviços de obras para, então, receber valores milionários. As vítimas teriam participação nesse “lucro”.

Contratos apreendidos e título de Conde (Carlos Bolívar/Amazonas1)

Uma das vítimas teriam emprestado R$ 1,5 milhão, mas não há nenhum documento ou contrato de qualquer serviço prestado. Otávio já responde por estelionato e falsificação de documento público, além de quatro Boletins de Ocorrência (BOs) contra ele também por estelionato.

Na casa do empresário, a equipe da DERFD apreendeu vários acordos com valores milionários de possíveis vítimas. À polícia, o suspeito alegou que os contratos eram válidos “Ele disse que as obras atrasaram, mas que ele iria cumprir. Depois já disse que iria devolver o dinheiro, que foi enganado, o contrato tinha sido cancelado e ele iria reativar. Então assim, são várias histórias e não dá para saber tudo”, informou Queiroz.

Otávio foi indiciado por estelionato e será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM) onde ficará à disposição da Justiça.

Faça um comentário