'Eu morri porque matei um inocente', diz bilhete encontrado junto a corpo

US - R$ 4,38

×

‘Eu morri porque matei um inocente’, diz bilhete encontrado junto a corpo

O corpo da vítima foi encontrado com sete marcas de tiros, mãos amarradas para trás, o rosto com sinais de tortura e fêmur quebrado

Kleverton da Silva Lucas, 16, foi morto com sete tiros (Foto: Josemar Antunes / Amazonas1)

O adolescente Kleverton da Silva Lucas, 16 anos, foi morto com sete tiros na tarde desta segunda-feira, 27, na avenida Brasil, localizada no bairro Compensa, zona Oeste de Manaus. O corpo da vítima foi encontrado com as mãos amarradas para trás, o rosto com sinais de tortura, fêmur quebrado e uma mensagem em um pedaço de papel com a frase: “Eu morri porque matei um inocente”.

De acordo com as informações policiais, Kleverton teria pulado de um carro em movimento, que seguia a avenida no sentido centro. Na suposta tentativa de fuga, o adolescente foi alvejado pelos ocupantes do veículo. A suspeita é que o jovem tenha envolvimento na morte do motoboy Naenderson Rabele da Silva Lima, 21, que foi assassinado com três tiros na madrugada deste domingo.

“Provavelmente ele deve ter envolvimento com o tráfico de drogas, por conta da situação ocorrida. Ele está amarrado, possivelmente jogado do carro ainda vivo e posteriormente alvejado à tiros. O caso será investigado. O aviso possivelmente pode justificar a morte do rapaz ter sido motivada por participação em um assassinato de outra área”, declarou o delegado-geral adjunto da Polícia Civil, Orlando Amaral.

De acordo com informações dos populares, o adolescente  morava com uma tia no bairro Monte Horebe, Lagoa Azul, zona Norte. Ainda não se sabe se o jovem já tinha passagem pela polícia. A  causa da morte será investigada pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). O corpo da vítima foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia.

Ainda não se sabe se o jovem já tinha passagem pela polícia (Foto: Josemar Antunes).

(*) Com colaboração do repórter Josemar Antunes – Amazonas1

Faça um comentário