Homem é preso por negligência e apropriação de bens da própria mãe - Amazonas1

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

12 de agosto de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

redacao@amazonas1.com.br

Homem é preso por negligência e apropriação de bens da própria mãe

Segundo a polícia, denúncias anônimas feitas no prédio da especializada, informando que o homem estaria se apropriando da renda da idosa

Homem é preso por negligência e apropriação de bens da própria mãe
DECCI (Foto: Erlon rodrigues/PC-AM)

Um homem de 47 anos foi preso na manhã de quinta-feira, 2, por volta das 10h, pelos crimes de negligência, apropriação de bens e por deixar em situação de risco a própria a mãe, uma idosa de 85 anos. O crime ocorreu no bairro Cidade de Deus, zona Norte de Manaus.

De acordo com a delegada Andréa Nascimento, titular da Delegacia Especializada em Crimes contra o Idoso (DECCI), as diligências tiveram início após denúncias anônimas feitas no prédio da especializada, informando que o homem estaria se apropriando da renda da idosa. Além disso, homem tratava mal, proferia ofensas e deixava a idosa em situação vulnerável, na residência.

Delegada Andréa Nascimento, titular da DECCI (Foto: Alailson Santos/PC-AM)

“Nos deslocamos ao endereço delatado para averiguarmos a veracidade da denúncia e confirmamos o delito. Na casa, encontramos a idosa em situação de negligência. Não havia alimentos e o filho utilizava o dinheiro da pensão para consumir bebidas alcoólicas. Em seguida, conseguimos localizá-lo e efetuarmos a prisão dele em um bar, naquele mesmo bairro”, detalhou Nascimento.

Flagrante

Conduzido à sede da DECCI, o indivíduo foi autuado em flagrante por apropriação de bens da pessoa idosa, exposição ao perigo e negligência. Ao término dos trâmites cabíveis, ele foi levado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde deverá passar por audiência de custódia via videoconferência.

 

(*) Com informações da assessoria

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading