US - R$ 3,93

×

Jovem é preso transportando droga avaliada em R$ 440 mil

Leonardo argumentou que receberia R$ 2 mil pelo serviço, mas não revelou o nome da pessoas que iria receber os entorpecentes


Leonardo de Almeida Pereira, 23, foi apresentado por envolvimento com o tráfico de drogas na manhã desta segunda-feira (15), durante coletiva de imprensa no prédio da Delegacia GeraL da Polícia Civil (PC-AM). Ele foi preso com 50 quilos de drogas, entre oxi e maconha na tarde de domingo (14), por volta de meio-dia, pela equipe do do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), da Polícia Civil do Amazonas.

Leonardo foi preso transportando 50 quilos de drogas (Erlon Rodrigues/PC

De acordo com delegado Normando Barbosa, diretor-adjunto do DRCO, os trabalhos iniciaram na manhã de domingo, após as equipes do DRCO receberem informações, por meio de denúncia anônima, informando que um veículo da marca Fiat, modelo Palio, de cor amarela, estaria transportando material entorpecente nas proximidades da avenida Carvalho Leal, bairro Cachoeirinha, zona sul da capital.

“A partir das informações recebidas começamos as diligências a fim de averiguarmos a veracidade da denúncia. Encontramos o automóvel com as mesmas características repassadas na avenida Carvalho Leal e o abordamos Leonardo, que estava conduzindo o veículo. No interior do carro encontramos três sacolas contendo 43 tabletes de oxi e maconha, totalizando aproximadamente 50 quilos de drogas. Esse material entorpecente está avaliado em R$ 440 mil”, explicou Barbosa.

Conforme o diretor-adjunto do DRCO, o jovem foi levado para a base do departamento, onde relatou, em depoimento, que estava transportando as drogas para um indivíduo que já está sendo investigado pela polícia. Leonardo argumentou que receberia R$ 2 mil pelo serviço.

Leonardo foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis na base do DRCO, ele será levado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis.

(*) Com informações da assessoria

Faça um comentário