Pedreiro confessa ter matado a empresária Luzia dos Santos

US - R$ 4,13

×

Pedreiro confessa ter matado a empresária Luzia dos Santos

Crime aconteceu no último domingo, 24, no bairro Lírio do Vale, Zona Oeste de Manaus. Ele nega, no entanto, tê-la estuprado

Antônio Augusto Almeida confessou o crime (Foto: Josemar Antunes/Amazonas1)

Antônio Augusto Almeida Fernandes, 44, foi preso, na tarde desta terça-feira, 26, em cumprimento de mandado de prisão pela equipe de investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Ele confessou ter matado a empresária do ramo de confecções Luzia dos Santos Silva, 46.

De acordo com os policiais civis, Antônio Augusto foi preso por volta das 16h, na comunidade Grêmio do Tuiué, no município de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus). Ele estava escondido na casa de um tio e não resistiu à prisão.

Acusado foi preso nesta terça-feira, 26, no município de Manacapuru (Foto: Josemar Antunes/Amazonas1)

O assassinato da empresária aconteceu no último domingo, 24, dentro da casa onde a vítima morava, no bairro Lírio do Vale, Zona Oeste de Manaus. Antônio Augusto confessou que matou Luzia por conta de uma dívida de R$ 300. A empresária havia contratado o serviço dele como pedreiro e não pagou o valor combinado.

Após o crime, o HD das câmeras de segurança do imóvel foram retirados pelo acusado. Antônio Augusto afirmou que jogou o equipamento dentro de um bueiro. Ele negou ter estuprado a vítima.

O suspeito está sendo ouvido pela delegada Marília Campelo, adjunta da DEHS. Mais detalhes do crime e da prisão serão repassados em coletiva de imprensa nesta quarta-feira, 27.

Faça um comentário