Átila Lins é o campeão de gastos com passagens aéreas

US - R$ 4,18

×

Átila Lins é o campeão de gastos com passagens aéreas

Entre janeiro e junho de 2019, o deputado gastou R$ 169,8 mil em viagens de avião. O parlamentar comprou 45 bilhetes geralmente da empresa Gol.

Átila Lins (PP-AM) foi o deputado que mais gastou com viagens de avião no primeiro semestre. (Reprodução)

Ninguém gastou tanto dinheiro com viagens de avião quanto os deputados federais Átila Lins (PP-AM) e Paulinho da Força (Solidariedade-SP). Os dois ficaram no topo de um pódio formado pelos deputados federais que mais utilizaram o serviço nos seis primeiros meses de 2019, período em que a Câmara desembolsou R$ 19,4 milhões para esse serviço.

Átila e Paulinho não figuram no topo pela primeira vez. Os dois já levaram o ouro e a prata em 2015, primeiro ano da legislação anterior, segundo os dados coletados pelo Ranking dos Políticos e repassados ao UOL.

Entre janeiro e junho de 2019, Átila gastou R$ 169,8 mil em viagens de avião e Paulinho cravou o segundo lugar com R$ 118,7 mil. O deputado comprou 45 bilhetes no período, quase sempre da mesma companhia aérea, a Gol. O que ficou caro para os cofres públicos foram as oito vezes em que ele fretou um avião para chegar ao interior do Amazonas, seu reduto eleitoral.

Essas oito passagens custaram R$ 109,5 mil. O voo mais barato saiu por R$ 5 mil, o mais caro custou R$ 27,3 mil. Os outros foram de R$ 20 mil, R$ 12 mil, R$ 15 mil e R$ 7.600.

A viagem de R$ 27,3 mil aconteceu no dia 1º de maio, quando Átila fretou a aeronave Caravan PT-OQT, da empresa Cleiton Táxi Aéreo. A missão era cuidar do traslado de Átila em três trechos: de Manaus a Tefé (575 km de distância), de Tefé a São Paulo de Olivença (distante 453 km) e de São Paulo de Olivença a Manaus (975 km). “Átila é do Amazonas. Quem é do Norte alega a necessidade de visitar povoados distantes. Aí ele aluga o avião, um argumento aceitável”, diz Renato Dias, diretor-executivo do Ranking dos Políticos.

A média de gastos de Átila com passagens, no entanto, é bem maior do que a de seus colegas amazonenses. Os outros sete deputados do estado gastaram, em média, R$ 54,9 mil com viagens de avião no mesmo período, três vezes menos.

Procurado, Átila não respondeu à reportagem.

(*) com informações do UOL

Faça um comentário