Registro para criação de partido de Bolsonaro é oficializado em Brasília

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

4 de agosto de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

redacao@amazonas1.com.br

Registro para criação de partido de Bolsonaro é oficializado em Brasília

Após o registro, o grupo precisará criar um CNPJ e aí, então, protocolar o pedido de registro junto ao TSE. Esse processo deve começar semana que vem

Registro para criação de partido de Bolsonaro é oficializado em Brasília

O registro para criação do novo partido de Jair Bolsonaro, Aliança Pelo Brasil, foi oficializado, nesta quinta-feira, 05, em Brasília. O documento é um dos passos iniciais para a família Bolsonaro tentar criar a nova sigla.

Após o registro em cartório, o grupo precisará criar um CNPJ e aí, então, protocolar o pedido de registro junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Esse processo deve acontecer na semana que vem. A partir daí abre-se prazo de dois anos para coletar cerca de 500 mil assinaturas distribuídas em nove estados do país.

“Acredito que vamos chegar a 1 milhão de assinaturas até março. Vamos ter mais do que o dobro do que precisamos. O receio é com os prazos da Justiça Eleitoral, não há braço para checagem de assinaturas”, disse o advogado Admar Gonzaga.

O registro foi protocolado ontem pelo advogado e secretário-geral da comissão provisória do APB, Admar Gonzaga junto ao 2º Ofício de Registro Civil de Brasília (DF). A conferência de assinaturas, estatuto e atas para intenção de criar a sigla foram oficializadas hoje.

“Ao longo do período para criação, cada lote de assinaturas que levarmos para os cartórios, os técnicos têm 15 dias para conferir e lança-las no sistema do TSE.

E sabemos que a estrutura tem dificuldades para isso”, disse Gonzaga, que é ex-ministro do TSE. A aposta de Bolsonaro e seus apoiadores está em conseguir assinaturas digitais, o que, afirmam, poderia facilitar a coleta de apoio.

 

(*) Com informações do site UOL

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading