Apagão está no 6º dia e empresa não sabe quando serviço normaliza - Amazonas1

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

11 de agosto de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

redacao@amazonas1.com.br

Apagão está no 6º dia e empresa não sabe quando serviço normaliza

Iranduba e Manacapuru enfrentam um caos energético e população está desesperada, sem água, sem luz e amargando prejuízos sociais e financeiros

Apagão está no 6º dia e empresa não sabe quando serviço normaliza
Revoltada, população dos dois municípios decidiu realizar inúmeros protestos cobrando o retorno do abastecimento de água e luz (Foto: Divulgação)

No sexto dia consecutivo do apagão no interior do Amazonas, apenas 30% do abastecimento de água foi restabelecido em Manacapuru, por meio de geradores de energia, segundo informações da prefeitura. Mas a cidade continua às escuras.

A população reclama do descaso e da falta de informações por parte da concessionária e cobra soluções imediatas.

Procurada pela reportagem, a Amazonas Energia informou por meio de sua assessoria de imprensa, que 76 geradores já foram enviados para Iranduba e Manacapuru, sendo 51 unidades gerando 40MW para Iranduba e 25 unidades gerando 20MW para Manacapuru. A empresa transferiu 15 grupos geradores da UTE de Flores.

O governo do Amazonas também enviou grupos geradores à escolas das duas localidades afetadas.

Questionada quando será restabelecida totalmente a energia elétrica nessas duas cidades, a concessionária se limitou a dizer em nota que “nossas equipes técnicas continuarão trabalhando 24 horas por dia, até normalizar por completo o fornecimento de energia em Iranduba e Manacapuru, e evitar maiores transtornos à população”.

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading