Covid-19: FVS informa a aplicação de 729.904 doses de vacina no AM
15 de maio de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Covid-19: FVS informa a aplicação de 729.904 doses de vacina no AM

As informações consolidadas pela FVS-AM são disponibilizadas pelas secretarias municipais de Saúde, responsáveis pela operacionalização da imunização contra Covid-19 em suas cidades

Covid-19: FVS informa a aplicação de 729.904 doses de vacina no AM
Foto Divulgação SSP-AM

MANAUS- AM A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) divulga o consolidado diário de vacinação contra Covid-19 no Amazonas. Dados parciais do Programa Nacional de Imunização da FVS-AM (PNI/FVS-AM) apontam que 729.904 doses foram aplicadas em todo o estado até este domingo (18/04), sendo 533.618 de primeira dose e 196.286 de segunda dose. A informação está disponível no site da FVS-AM por meio do link https://bit.ly/3aTsndS.

Leia mais: Vacina Manaus: Agilidade na vacinação contra a Covid-19

As informações consolidadas pela FVS-AM são disponibilizadas pelas secretarias municipais de saúde, responsáveis pela operacionalização da imunização contra Covid-19 em suas cidades.

Neste balanço, 32 cidades não enviaram a informação. São elas: Amaturá, Anamã, Atalaia do Norte, Beruri, Boa Vista do Ramos, Caapiranga, Canutama, Carauari, Careiro da Várzea, Codajás, Eirunepé, Fonte Boa, Humaitá, Ipixuna, Itamarati, Itapiranga, Japurá, Juruá, Jutaí, Manacapuru, Maraã, Maués, Nhamundá, Nova Olinda do Norte, Novo Airão, Pauini, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Santo Antônio do Içá, São Paulo de Olivença, Tabatinga e Urucurituba.

Doses aplicadas por município

Conforme dados gerenciados pela FVS-AM, e informados pelas secretarias municipais de saúde de cada cidade do Amazonas, até este domingo (18/04), foram aplicadas as seguintes quantidades, considerando a 1ª e 2ª dose:

Leia mais: CPI da Covid-19: primeira reunião pode ser depois do feriado

Manaus (383.640), São Gabriel da Cachoeira (22.544), Tabatinga (19.627), Benjamin Constant (17.786), Parintins (16.584), Itacoatiara (15.308), São Paulo de Olivença (12.588), Autazes (11.797), Maués (11.061), Manacapuru (10.594), Tefé (9.688), Manicoré (9.403), Lábrea (9.009), Borba (8.803), Humaitá (8.763), Iranduba (8.327), Santo Antônio do Içá (8.251), Barreirinha (8.189), Coari (7.412), Careiro (6.990), Careiro da Várzea (5.696), Santa Isabel do Rio Negro (5.514), Presidente Figueiredo (5.369), Atalaia do Norte (5.299), Eirunepé (5.242), Jutaí (4.564), Boca do Acre (4.283), Rio Preto da Eva (4.161), Urucará (4.115), Nhamundá (4.101), Amaturá (3.631), Tonantins (3.603), Silves (3.470), Barcelos (3.399), Carauari (3.181), Tapauá (3.174), Nova Olinda do Norte (3.044), Fonte Boa (2.963), Manaquiri (2.917), Alvarães (2.873), Pauini (2.660), Urucurituba (2.631), Apuí (2.569), Boa Vista do Ramos (2.526), Itamarati (2.394), Beruri (2.322), Envira (2.312), Novo Aripuanã (2.281), Canutama (2.209), Novo Airão (2.060), Uarini (1.955), Maraã (1.944), Anamã (1.937), Guajará (1.792), Codajás (1.773), Anori (1.646), Ipixuna (1.481), São Sebastião do Uatumã (1.450), Japurá (1.321), Itapiranga (1.290), Caapiranga (1.285) e Juruá (1.103).

Doses aplicadas por grupo prioritário geral:

  • Indígenas: 73.473 de 1ª dose e 54.404 de 2ª dose;
  • Trabalhadores da saúde: 94.391 de 1ª dose e 77.080 de 2ª dose;
  • Pessoas com 80 anos ou mais: 34.274 de 1ª dose e 2.195 de 2ª dose;
  • Pessoas de 75 a 79 anos: 30.268 de 1ª dose e 2.210 de 2ª dose;
  • Pessoas de 70 a 74 anos: 45.950 de 1ª dose e 4.987 de 2ª dose;
  • Pessoas de 65 a 69 anos: 69.037 de 1ª dose e 6.967 de 2ª dose;
  • Pessoas de 60 a 64 anos: 90.160 de 1ª dose e 47.190 de 2ª dose;
  • Pessoas institucionalizadas com 60 anos ou mais: 189 de 1ª dose e 170 de 2ª dose;
  • Pessoas institucionalizadas com deficiência: 108 de 1ª dose e 4 de 2ª dose;
  • Povos tradicionais ribeirinhos: 25.976 de 1ª dose e 125 de 2ª dose;
  • Povos tradicionais quilombolas: 962 de 1ª dose;
  • Pessoas com comorbidades: 59.897 de 1ª dose e 789 de 2ª dose;
  • Profissionais das forças armadas: 629 de 1ª dose e 7 de 2ª dose;
  • Profissionais das forças de segurança e salvamento: 8.304 de 1ª dose e 158 de 2ª dose.

Referência

A FVS-AM é responsável pela vigilância em saúde do Amazonas, que inclui a prevenção de doenças por meio da imunização coordenada, no Amazonas, pelo Programa Nacional de Imunização (PNI/FVS-AM).

A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na avenida Torquato Tapajós, 4.010, Colônia Santo Antônio, Manaus. Contato telefônico da FVS-AM: (92) 3182-8550 e 3182-8551. Contato telefônico do PNI/FVS-AM: (92) 2129-2500 e 2129-2502.

 

(*) Com informações da assessoria 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

[email-subscribers-form id="1"]