MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Alunos protagonizam cenas de sexo na sala de aula em Iranduba

Segundo a Seduc, o caso foi levado à polícia e ao Conselho Tutelar do Município; ato entre alunos aconteceu no intervalo das aulas
Edilânea Souza – Portal AM1*
• Publicado em 24 de novembro de 2021 – 15:22
Alunos são flagradas praticando sexo em sala de aula em Iranduba
Foto: Divulgação

IRANDUBA, AM – Imagens de dois alunos fazendo sexo em sala de aula viralizaram nas redes sociais nesta quarta-feira (24). O caso aconteceu na Escola de Tempo Integral Maria Izabel Desterro e Silva, no município de Iranduba. O ato foi cometido pelos alunos no intervalo das atividades.

Segundo a Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc), o caso foi levado à polícia e foi registrado um boletim de ocorrência, bem como o Conselho Tutelar do município foi acionado, por se tratar de adolescentes.

“A Seduc informa que foi registrado um boletim de ocorrência sobre o ocorrido na Escola de Tempo Integral em Iranduba e segue acompanhando o caso, junto com o Conselho Tutelar do município. A pasta reitera que os estudantes utilizaram o intervalo entre as atividades pedagógicas para praticar o ato.” 

De acordo com a Seduc, os alunos foram identificados, alertados “pedagogicamente” e foram suspensos.

Leia mais: Em Manaus, aluno cria cartaz falso de ‘procurado’ para associar professor à bandidagem

“Os envolvidos já foram alertados pedagogicamente sobre a gravidade do caso,  assinaram advertência na escola e, a partir desta quarta-feira (24/11), estão suspensos de suas atividades presenciais, conforme previsto no Regimento das Escolas Estaduais.”

Além disso, a Secretaria de Educação afirmou, ainda, que tem trabalhado na orientação de toda a comunidade escolar sobre o compartilhamento das imagens dos alunos, uma vez que o compartilhamento de imagens de menores é considerado crime.

Todos os profissionais da unidade de ensino estão trabalhando na orientação para que toda a comunidade escolar exclua os conteúdos compartilhados dos alunos, e continuam alertando sobre as penalidades previstas no artigo 241A do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).  

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap