MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Após recomendação do MP, prefeito exonera parentes em Amaturá

Dezesseis pessoas ligadas ao prefeito e ao vice de Amaturá foram exoneradas por nepotismo, de cargos públicos exercidos na prefeitura
Edilânea Souza – Portal AM1*
• Publicado em 20 de junho de 2021 – 18:00
Prefeito
O prefeito e o vice-prefeito de Amaturá tinham juntos, 16 familiares empregados na prefeitura

AMATURÁ, AM – Após recomendação do Ministério Público do Amazonas (MP-AM), o prefeito do município de Amaturá, José Augusto Barrozo Eufrásio (PROS), conhecido como ‘Zezinho Eufrásio’, exonerou dezesseis pessoas ligadas à sua família e de seu vice, Evandro Lopes (Avante), na última sexta-feira (18), conforme documento enviado ao Portal AM1 pela prefeitura da cidade.

A recomendação do MP-AM foi feita no dia 10 de junho e pedia a exoneração dos parentes do prefeito e do vice-prefeito nomeados em cargos públicos na prefeitura da cidade, o que caracteriza nepotismo, que “pode ser definido com a conduta consistente na nomeação de parentes para o exercício de cargo ou função pública que não tenha a exigência de realização de concurso público, sendo que a principal motivação do ato administrativo é o vínculo familiar ou de afinidade da pessoa indicada”, como diz parte do texto da recomendação.

Entre os nomes dos servidores que estavam na folha de pagamento da prefeitura e que caracterizava nepotismo, estão: Luiz Nunes Lopes, auxiliar de serviços gerais efetivo, com função gratificada de chefe de setor – sobrinho do vice-prefeito municipal; Josaly Barroso Eufrásio, assessora I – irmã do prefeito municipal; Janete Barroso Eufrásio, enfermeira efetiva, com função gratificada de coordenadora de atenção básica de saúde – irmã do prefeito municipal.

Foram exonerados ainda, Jane Carmem Barroso Eufrásio, professora efetiva, com função gratificada de coordenadora do setor de educação – irmã do prefeito municipal; Jaime Barroso Eufrásio, assessor I – irmão do prefeito municipal; Athos Vorlande Eufrásio Plácido, assessor II – sobrinho do prefeito municipal; Matheus Ferreira Eufrásio, agente de endemias contratado – sobrinho do prefeito municipal; Anilson Félix Marinho, assessor II e cunhado do prefeito municipal; Reinaldo Ramires de Melo, coordenador da junta do serviço militar – cunhado do prefeito municipal.

Leia mais: Ex-prefeito de Boa Vista do Ramos é notificado a devolver R$ 2,6 milhões

Parentes do vice-prefeito Lopes que também ocupavam cargos na Prefeitura de Amaturá foram exonerados, entre eles: Arinaldo Lopes Nunes – Assessor Técnico I – irmão do vice-prefeito; Rosa Maria Padilha da Silva Nunes – Coordenadora do gabinete – esposa do vice-prefeito; Joseney Nunes Lopes – Auxiliar Administrativo – sobrinho do vice-prefeito; Cristovão Nunes Lopes – Chefe de setor de Limpeza Pública – sobrinho do vice-prefeito; Endreson Augusto Padilha Nunes – Assessor Técnico II – filho do vice-prefeito; Endrio Henrique Padilha Nunes – Assessor Técnico II – filho do vice-prefeito e João Derley Lopes Nunes – Assessor Técnico III – filho do vice-prefeito

Confira o pedido do MP-AM e a lista dos exonerados:

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap