Bolsonaro cita facada e diz querer voltar a Juiz de Fora neste ano: ‘marcou a minha vida’

"Ali, despontou uma pessoa que, mais do que jurar a vida pela sua Pátria, tudo fará também pela nossa liberdade"
DA REDAÇÃO – PORTAL AM1
Publicado em 14/04/2022 14:04
Foto: Reprodução

Em discurso na cidade de João Pinheiro (MG), o presidente Jair Bolsonaro voltou a mencionar a facada que sofreu na campanha eleitoral de 2018 e disse querer voltar, neste ano de eleição, ao local onde ocorreu o atentado, em Juiz de Fora (MG).

“Eu quero voltar a Juiz de Fora ainda no corrente ano. Ali, aquela cidade marcou a minha vida. Boas lembranças tenho em grande maioria naquele local. Ali, os médicos e profissionais de saúde da Santa Casa salvaram a minha vida. Ali, despontou uma pessoa que, mais do que jurar a vida pela sua Pátria, tudo fará também pela nossa liberdade”, declarou o presidente.

Leia mais: ‘Luta sindical deu ao Brasil o maior líder popular deste País: Lula’, diz Alckmin

Apoiadores de Bolsonaro costumam relembrar a facada nas redes sociais sempre que o presidente é internado por conta de obstruções intestinais. Após realizar uma série de cirurgias no abdômen, parte do corpo perfurada pela faca, o chefe do Executivo ficou com algumas sequelas. A Polícia Federal (PF) concluiu que Adélio Bispo, o autor da facada, agiu sozinho, mas Bolsonaro insiste, sem apresentar provas, que há um mandante do crime. Recentemente, o inquérito foi reaberto.

Em tom eleitoreiro, Bolsonaro disse na cerimônia de hoje que do episódio da facada “despontou alguém que tudo fará pela nossa liberdade”.

Com informações da Agência Estado

Compartilhar:
Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

+ NOTÍCIAS