MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Em Manaus, homens são presos por apropriação de bens e agiotagem contra idosa

O crime ocorreu em uma agência bancária no Boulevard Álvaro Maia
Da Redação -Portal AM1*
• Publicado em 10 de agosto de 2021 – 18:24
(Foto: Divulgação/ PC-AM)

MANAUS, AM – A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) prendeu em flagrante, nessa segunda-feira (09), dois homens de 41 e 55 anos, pelos crimes de apropriação de bens, extorsão, retenção de documentos e usura (agiotagem) praticados contra uma idosa de 69 anos. O crime ocorreu em uma agência bancária no Boulevard Álvaro Maia, bairro Presidente Vargas, zona sul da capital.

A operação foi realizada pela Delegacia Especializada em Crimes Contra o Idoso (Decci). A delegada Andréa Nascimento, titular da Especializada, explicou que a denúncia foi recebida de forma anônima pelas equipes da Decci, relatando que uma idosa estava sendo cobrada abusivamente por um suposto agiota, em uma agência bancária no endereço mencionado.

“O crime passou a ocorrer no momento em que a vítima, em 2016, realizou um empréstimo de R$ 4 mil. Os criminosos realizavam as cobranças mensalmente, aplicando juros de 20% sobre o valor das parcelas, que já chegavam a mais de R$ 40 mil. Os criminosos agiam confiscando o cartão da idosa para realizar saques e transferências”, esclareceu a delegada.

Leia também: Justiça prorroga prisão de delegado e envolvidos na Operação Garimpo Urbano

Ainda durante a coletiva, a autoridade policial ressaltou que a equipe policial se dirigiu à agência e identificaram a idosa entregando uma grande quantia em dinheiro ao homem de 41 anos. Os policiais abordaram o indivíduo, e, após a confirmação de que se tratava do crime de usura real, efetuaram a prisão em flagrante.

Ao ser encaminhado à Especializada, o indivíduo informou que estava na agência apenas para cumprir ordens de outro homem de 55 anos. Ao ser questionado, informou onde o mandante do crime estava. A equipe, então, dirigiu-se ao bairro Cachoeirinha, zona sul, e prendeu o segundo envolvido no crime.

Conforme a delegada, os dois indivíduos já possuem passagem pela polícia por posse e porte ilegal de arma de fogo. Na residência onde o mandante do crime foi flagranteado, foram apreendidos exatamente 247 cartões eletrônicos utilizados nas cobranças praticadas por eles.

Procedimentos

 Ambos foram conduzidos à unidade policial, e foram autuados pelos crimes de apropriação de bens, extorsão, retenção de documentos e usura real. Após os procedimentos cabíveis, eles serão encaminhados para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficarão à disposição da Justiça.

*Com informações da assessoria 

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap