Maradona volta atrás e continua como técnico do Gimnasia La Plata

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

14 de julho de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Maradona volta atrás e continua como técnico do Gimnasia La Plata

"Quero agradecer aos torcedores do Lobo e aos jogadores porque conseguimos, entre nós, uma unidade do clube. Espero que cumpram com os reforços."

Maradona volta atrás e continua como técnico do Gimnasia La Plata
(Foto: Divulgação)

Menos de 48 horas depois de ter anunciado a sua renúncia ao cargo de técnico do Gimnasia La Plata por falta de unidade política na cúpula do clube argentino, Diego Maradona voltou atrás e avisou na noite de quinta-feira que continuará no posto do time que faz uma campanha ruim no Campeonato Argentino e briga contra o rebaixamento.

“Fico muito feliz em dizer que sigo como treinador do Gimnasia y Esgrima La Plata. Quero agradecer aos torcedores do Lobo e aos jogadores porque finalmente conseguimos, entre nós, uma unidade política do clube. Espero que cumpram com os reforços que me prometeram. Agradeço pelas mensagens, pelo apoio, pela movimentação de ontem, com calor de 50 graus e ao garotinho que me pediu: ‘Volte, Diez’. Vamos Lobo, avante, Gimnasia!!!”, escreveu Maradona em post na sua conta de Instagram.

Em entrevista à Fox Sports Argentina, o empresário de Maradona, Cristian Bragarnik, disse que “Diego tomou a decisão de seguir no Gimnasia e retomar o trabalho que tão exitosamente tinha assumido”. “A mensagem de Diego foi muito clara e o comunicado também. Óbvio que há interpretações quando há interesses políticos. Ele é agradecido a (Gabriel) Pellegrino (atual presidente), que o trouxe ao futebol argentino”, detalhou.

Veja também

Paulistão; Corinthians, Santos e São Paulo estreiam em casa

Filipe afirma que River leva vantagem por estar acostumado a decisões

Com Mercedes e Porsche, Fórmula E inicia 6ª temporada

A decisão de Maradona mudou nesta quinta-feira, quando os candidatos às eleições presidenciais do clube, que serão disputadas neste sábado, Salvador Robustelli e Mariano Cowen, aceitaram fazer um mandato de unidade que inclua Gabriel Pellegrino. “Ao saber que foram dadas todas as condições que pediu, ele vai continuar”, acrescentou o assessor jurídico de Maradona, Matías Morla.

Além de agradecer aos seguidores pela mobilização a seu favor, Maradona pressionou a diretoria do Gimnasia La Plata: “Espero que entreguem os reforços que prometeram”, alertou.

 

(*) Com informações da Estadão Conteúdo

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias