Inscrição aberta para programa de residência em medicina de família e comunidade - Amazonas1
28 de fevereiro de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Inscrição aberta para programa de residência em medicina de família e comunidade

Os interessados devem se inscrever até o dia 2 de fevereiro e podem ser feitas através do psesap.manaus.am.gov.br

Inscrição aberta para programa de residência em medicina de família e comunidade
Foto – Altemar Alcântara / Arquivo Semcom

Foram abertas pela Prefeitura de Manaus as inscrições para um novo processo seletivo de médicos preceptores, nesta quarta-feira (27). Os profissionais vão atuar no Programa de Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade (PRMMFC), como parte do Programa Mais Saúde Manaus (Promais). São nove vagas e mais cadastro reserva.

A residência é realizada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) desde 2012, tem duração de dois anos e formou mais de 30 médicos, muitos deles voltando como preceptores no programa, com bolsas que variam entre R$1.200 a R$ 11.000.

“Uma das minhas preocupações é oferecer serviços de qualidade à população, principalmente na área de saúde e a residência médica oportuniza aos profissionais, qualificação e, às famílias atendidas, mais segurança”, afirma o prefeito de Manaus, David Almeida.

As inscrições vão até o dia 2 de fevereiro e podem ser feitas através do psesap.manaus.am.gov.br. O edital completo pode ser conferido na edição nº 5017 do Diário Oficial do Município (DOM), de 26 de janeiro de 2021.

Promais

Oferecido pela Prefeitura de Manaus por intermédio da Semsa e coordenado pela Escola de Saúde Pública de Manaus (Esap), o Promais busca contribuir para a formação e qualificação profissional dos trabalhadores na saúde, com ênfase na atenção primária, visando à integração “ensino-serviço-comunidade”, a partir das necessidades sociais e do Sistema Único de Saúde (SUS), em Manaus.

(*) Com informações da assessoria 

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading