Irã inicia lockdown de dez dias e Venezuela anuncia adesão à Covax - Amazonas1
15 de maio de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Irã inicia lockdown de dez dias e Venezuela anuncia adesão à Covax

País busca conter a quarta onda de infecções que atinge o país; enquanto isso a Venezuela investiu cerca de US$ 64 milhões em vacinas

Irã inicia lockdown de dez dias e Venezuela anuncia adesão à Covax
(Foto: Lucio Rila/iShoot/Folhapress)

O Irã iniciou neste sábado (10) um lockdown de 10 dias para conter a quarta onda de infecções por coronavírus no país. A força-tarefa do governo iraniano encarregada de determinar as medidas de combate à pandemia ordenou o fechamento da maioria das lojas em cidades declaradas como “zonas vermelhas”, ou seja, com alto perigo de contágio.

O governo da Venezuela, por sua vez, anunciou neste sábado que o país sul-americano pagará cerca de US$ 64 milhões para garantir o recebimento de vacinas contra a covid-19 por meio da iniciativa Covax.

O valor representa mais de 50% do valor necessário para um país ser beneficiário do mecanismo, criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) para facilitar o acesso equitativo à vacinação contra o coronavírus no mundo.

Por meio da Covax, a Venezuela conseguirá 20% das vacinas necessárias para imunizar a população do país.

 

(*) Com informações do Metrópoles 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

[email-subscribers-form id="1"]