Mais Médicos: Ministério da Saúde vai abrir edital para o Amazonas - Amazonas1
4 de março de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Mais Médicos: Ministério da Saúde vai abrir edital para o Amazonas

O anúncio foi feito pelo secretário de Atenção Primária do MS, Raphael Parente, nesta sexta-feira (22)

Mais Médicos: Ministério da Saúde vai abrir edital para o Amazonas
Foto: Hélvio Romero/Estadão Conteúdo

O Ministério da Saúde (MS) vai abrir, na próxima segunda-feira (25), edital do programa “Mais Médicos para o Brasil”, para suprir a demanda de profissionais da saúde nos municípios do interior do Amazonas, com prazo de inscrição de dois dias.

O anúncio foi feito pelo secretário de Atenção Primária do MS, Raphael Parente, nesta sexta-feira (22), durante reunião com prefeitos, representantes de prefeituras do interior, além do secretário executivo adjunto de Atenção ao Interior da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), Cássio Espírito Santo.

“No dia 15 de janeiro nós colocamos para o secretário de Atenção Primária do Ministério da Saúde, em uma reunião, a necessidade de ampliação do Mais Médicos nos municípios do interior. Naquele mesmo momento o secretário se colocou à disposição e falou que os municípios que quisessem ampliar o quadro de profissionais, que solicitassem e justificassem o número de médicos a mais que gostariam. Solicitamos que esses municípios nos enviassem um ofício para encaminhar ao MS e eles estão abrindo um novo edital, contemplando os municípios”, pontuou Cássio Espírito Santo.

Ele também destacou o alinhamento entre as esferas de governo. “Durante a primeira fase da pandemia sempre falei que não se faz saúde sem parceria. E essa união entre Governo Federal, Governo do Estado e os municípios, é muito importante para que as coisas fluam e que a população tenha uma atenção de maior qualidade”, acrescentou o secretário.

As equipes do Ministério da Saúde estão no Amazonas há 20 dias, somando esforços em diversas frentes de atuação, no enfrentamento da pandemia. “Nós detectamos que a principal deficiência, principalmente neste momento de pandemia que está vindo de forma mais acelerada, é a falta de médicos. Então, imediatamente pedimos a abertura de um edital de chamamento de médicos”, ressaltou Raphael Parente, secretário de Atenção Primária do MS.

O Ministério priorizou a abertura do edital para Manaus, realizada no último dia 19.

“A gente desafogando a capital, conseguimos trazer pacientes que, por ventura, venham a ter no interior. Então abrimos e o prefeito (de Manaus) pediu 108 médicos. Fizemos exatamente o quantitativo que o prefeito pediu. Desses 108 se inscreveram 153 médicos, a nossa ideia é que na sexta-feira, dia 29, eles já estejam em campo. E na segunda-feira já está prevista a abertura do edital para o interior. Vamos abrir com o quantitativo que cada município pediu para que também o Ministério da Saúde possa atuar no interior do Amazonas”, afirmou Parente.

O secretário de Saúde do município de Itapiranga (a 226 quilômetros de Manaus), Aurimar Simões, que participou da reunião, disse que o município enviou ofício solicitando mais cinco profissionais de saúde para atuar no combate à Covid-19.

“Essa abertura que o Ministério da Saúde fez para os municípios será de grande importância para nós. Vai melhorar muito os atendimentos na atenção primária, porque a gente vai fazer um trabalho dentro das áreas do distrito das equipes de Saúde da Família. Isso vem somar bastante, porque a Covid começa na porta de entrada da atenção primária. Se nós trabalharmos na prevenção, no atendimento precoce, vai melhorar muito”, observou Aurimar Simões.

(*) Com informações da assessoria 

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading