Mulher é flagrada em blitz dirigindo pelada na zona Centro-Sul de Manaus

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

9 de agosto de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

redacao@amazonas1.com.br

Mulher é flagrada em blitz dirigindo pelada na zona Centro-Sul de Manaus

Durante a abordagem, os servidores encontraram três pessoas no interior do carro

Mulher é flagrada em blitz dirigindo pelada na zona Centro-Sul de Manaus
Fiscalização do Neot (Foto: Michell Mello)

Uma mulher, que não teve o nome revelado, foi flagrada dirigindo embriagada e nua, na madrugada deste domingo, 5, durante operação do Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot), vinculado ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM).

O fato inusitado aconteceu atrás do prédio do Detran-AM, no bairro Parque Dez de Novembro, na zona Centro-Sul de Manaus. De acordo com órgão de trânsito, a mulher ao perceber a blitz tentou retornar com veículo em marcha ré e acabou chamando atenção dos agentes.

Durante a abordagem, os servidores encontraram três pessoas no interior do carro. Depois de estar trajada, a condutora que estava acompanhada do namorado foi submetida ao teste de bafômetro, que confirmou 0,60 mg/gL, ou seja, presença de álcool no organismo.

Na ocasião, a mulher e o namorado se exaltaram. O homem, que também não teve o nome revelado, acabou recebendo voz de prisão por desacato após xingar os policiais. A mulher e outro homem que estava no carro foram conduzidos ao 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

O que diz o CTB

Conforme o artigo 165, dirigir sob a influência de álcool, em nível superior a seis decigramas por litro de sangue, ou de qualquer outra substância psicoativa que determine dependência é considerado infração gravíssima, com penalidade de multa (dez vezes) e suspensão do direito de dirigir por 12 meses, além do recolhimento da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e retenção do veículo até que se apresente um condutor habilitado.

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading