Polícia divulga imagem de homem procurado por estupro de adolescente no Amazonas

Vítima contou à polícia que estava indo a um estabelecimento comercial, quando foi abordada pelo suspeito
Publicado em 29/11/2021 14:19

ITACOATIARA, AM – Suspeito de estuprar uma adolescente de 14 anos, Joventino de Castro Figueira, de 30 anos, está sendo procurado pela Polícia Civil do Amazonas (PC-AM). O crime ocorreu no dia 21 de novembro deste ano, por volta das 21h30, no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros da capital).

De acordo com o delegado Paulo Barros, titular da Delegacia Especializada de Polícia (DEP), a vítima contou que estava indo a um estabelecimento comercial, e o indivíduo estava em frente à sua residência, ingerindo bebidas alcoólicas.

“Quando ela estava retornando para casa, o infrator chamou a adolescente, e, no momento em que ela se aproximou, ele a pegou pelo braço e a empurrou para dentro da casa. No local, Joventino pediu para que ela tirasse as roupas, entretanto, ela se recusou, ocasião em que ele cometeu o crime”, explicou o delegado.

Leia mais: Padrasto que estuprou e matou enteada tem prisão preventiva decretada no Amazonas

A autoridade policial relatou que, após o fato, a vítima retornou para casa e contou para uma amiga sobre o que havia ocorrido, e a amiga contou para os pais da adolescente. Policiais militares foram acionados, porém, Joventino fugiu do local.

“Ao tomarmos conhecimento sobre o fato, foi solicitado à Justiça pelo mandado de prisão preventiva em nome dele, e a ordem judicial foi expedida no dia 24 de novembro, pelo juiz Gonçalo Brandão de Sousa, da 1ª Vara da Comarca de Itacoatiara. Agora, continuamos com as diligências para localizar e efetuar a prisão do autor”, disse.

O delegado Paulo Barros solicita a quem tiver informações acerca da localização do infrator que entre em contato pelo número (92) 99183-4811, ou pelo 181, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM). “A identidade do informante será preservada”, garantiu o delegado.

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter

Compartilhar:
Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.