Homem é preso por estuprar enteada de 10 anos na própria casa
28 de novembro de 2020
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Homem é preso por estuprar enteada de 10 anos na própria casa

A menina era aliciada desde os 6 anos de idade. Em 2019, quando ela ainda tinha 9 anos, foi estuprada.

Homem é preso por estuprar enteada de 10 anos na própria casa
(Divulgação/PC-AM)

Um homem de 29 anos foi preso por estuprar a enteada de 10 anos na própria casa onde eles moravam. A menina era aliciada desde que tinha 6 anos de idade, na 2° etapa de Rio Preto da Eva, interior do Amazonas. Em 2019, quando a criança ainda tinha 9 anos, foi estuprada pelo padrasto.

Veja também: Porteiro é preso por estuprar menino de 11 anos em Manaus

O mandado de prisão por estupro de vulnerável em nome do homem, foi cumprido no último sábado, 21, pela equipe de investigação da 36ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Rio Preto da Eva, sob a coordenação da delegada-geral Emília Ferraz e dos delegados Sylvia Laureana e Carlos Alberto Alencar, titular e adjunto da unidade, respectivamente, por volta do meio-dia, no Terminal Rodoviário Eng. Huascar Angelim – Rodoviária de Manaus.

De acordo com a delegada Sylvia, o homem abusou sexualmente da criança na residência onde ele morava com a mãe da vítima.

“A vítima era aliciada pelo ex-padrasto desde os 6 anos de idade. E, no mês de novembro do ano passado, quando a menina tinha 9 anos, o infrator praticou o estupro. A mãe da criança soube do ato e comunicou o Conselho Titular, que acionou a delegacia. Após diligências, foi instaurado um Inquérito Policial (IP) e decretada a prisão preventiva em nome do acusado”, comentou a delegada.

Segundo Sylvia, no ano do estupro, o homem saiu do município e foi para Rorainópolis, no estado de Roraima. E, após denúncia anônima, a equipe de polícia teve conhecimento da localização do infrator.

Ainda conforme a titular da 36ª DIP, a ordem judicial em nome do indivíduo foi expedida no dia 7 de novembro de 2019, pelo juiz Carlos Henrique Jardim da Silva, da Comarca de Rio Preto da Eva.

Procedimentos

O homem irá responder pelo crime de estupro de vulnerável e foi encaminhado ao 36ª DIP, onde ficará à disposição da Justiça.

(*) Com informações da assessoria

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading