Jovem é morto após intervir em briga de casal para ajudar mulher
A + A -

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

1 de junho de 2020
Site auditado pelo

Redes Sociais

[email protected]

Jovem é morto após intervir em briga de casal para ajudar mulher

O jovem foi ajudar mulher que estava sendo mantida presa em apartamento e gritava por socorro.

Jovem é morto após intervir em briga de casal para ajudar mulher
Foto: Reprodução/facebook

Um homem morreu após levar uma facada no peito ao tentar ajudar uma mulher que estava sendo mantida presa dentro de um apartamento na madrugada deste domingo (22) em Nova Friburgo, Rio de Janeiro.

O caso aconteceu no bairro Jardim Califórnia, no distrito de Conselheiro Paulino. Segundo o delegado da 153ª Delegacia de Polícia, a Central de Flagrante, Gilberto Soares, a vítima identificada como Joel Junior, de 26 anos, estava com um amigo de 19, indo para casa quando ouviram uma mulher pedindo socorro.

De acordo com o delegado, ao chegar na porta do apartamento, um homem de 31 anos esfaqueou os dois. O jovem de 19 anos foi atingido no braço direito.

Segundo a Polícia Civil, o golpe contra Joel foi tão forte que chegou a quebrar a lâmina da faca que foi apreendida.

Questionado sobre a relação entre o suspeito e a mulher, o delegado explicou que eles ficavam juntos com frequência.

“No depoimento, ela não citou qualquer tipo de agressão do homem, apenas que ele não a deixava sair do apartamento. O caso foi classificado apenas como constrangimento ilegal o que ela passou”, disse o delegado, Gilberto.
O suspeito foi encaminhado para a 153ª DP. Ele irá responder por homicídio qualificado e lesão corporal leve.

O corpo de Joel será enterrado neste domingo (22) às 11h no Cemitério Trilha do Céu.

*Informações retiradas do G1

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias