Quadrilha com armamento é presa em motel de Manaus

US - R$ 4,19

×

Quadrilha com armamento é presa em motel de Manaus

Os homens estavam na companhia de quatro garotas de programa, e no quarto foram flagradas armas, munições e aparelhos celulares

Na tarde desta segunda-feira, 7, policiais das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) efetuaram a prisão de membros de uma facção criminosa, que é uma das responsáveis por vários homicídios na zona Sul de Manaus. Mauro Junio Tenório da Silva, 25 anos; Ruy George Oliveira Figueiredo, 32 anos; Átila Bruno Vinhote de Araújo, 26 anos; Pedro da Silva de Carvalho, 38 anos e Stélio Willary Oliveira de Vasconcelos, 23 anos, foram pegos em flagrante.

Segundo policiais que atenderam a ocorrência, a equipe recebeu uma denúncia, via whatssap, de que um suspeito de integrar uma facção criminosa estaria trafegando em um veículo Honda City de cor cinza, na Avenida Torquato Tapajós nas proximidades do Motel Eros. Os informes indicavam que o mesmo estaria em posse de arma de fogo.

Após efetuarem a abordagem ao referido veículo, o condutor do carro empreendeu fuga vindo a colidir com um motoqueiro na rua Gurupi, bairro da Redenção.

O motorista foi identificado como Mauro Junio Tenório da Silva, e com ele foram encontradas duas armas de fogo. Questionado sobre ser membro de facção criminosa, o mesmo confirmou o questionamento e afirmou que o restante de seus comparsas estaria no Motel Eros.

Os policiais se deslocaram até o local e ao adentrarem no quarto encontraram mais quatro suspeitos. Os homens estavam na companhia de quatro garotas de programa, e no quarto foram flagradas armas, munições e aparelhos celulares. No total, durante a ocorrência, foram apreendidas quatro pistolas de diversos calibres, três revólveres, três munições e dois aparelhos celulares.

Após o flagrante, a Rocam deu voz de prisão aos membros da facção criminosa e os cinco foram conduzidos para o 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP), para os procedimentos legais de indiciamento por porte ilegal de arma de fogo, tráfico de entorpecentes e associação criminosa.

Em consulta no sistema, foi constatado que todos já possuem ficha criminal. Mauro por homicídio, Ruy por porte ilegal de arma de fogo, Átila e Pedro por tráfico de drogas, e Stélio por homicídio e tráfico de drogas.

Faça um comentário